Detalhes impedem anúncio de saída de Jonas do Fla; Meia já se despediu
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Detalhes impedem anúncio de saída de Jonas do Fla; Meia já se despediu

Jonas - Flamengo
Jonas aceitou proposta e defenderá o Al-Ittihad, da Arábia Saudita (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
LANCE! - 01/07/2018 - 11:40
Rio de Janeiro (RJ)
Jonas já aceitou a oferta, assim como o Flamengo, mas a saída do volante para o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, ainda não foi concretizada. São detalhes que impedem o anúncio de forma oficial, mas as negociações entre os clubes estão em curso e a expectativa na Gávea é de que os ajustes finais sejam feitos logo.

Uma das exigências feita pelo Rubro-Negro- e que está sendo negociada - é o recebimento de parte do valor da venda à vista neste mês de julho. Os valores da transferência não foram revelados, mas o clube da Gávea detém 70% dos direitos econômicos do volante de 26 anos.

Segundo a assessoria do volante, Jonas já deveria ter viajado para realizar os exames, mas, como o contrato com o clube saudita ainda não está assinado, seu empresário não permitiu. O meia não se reapresentou no Ninho do Urubu no dia 25 de junho, após o período de férias durante o Mundial da Rússia.  Contratado pelo Flamengo em 2015, Jonas já se despediu dos companheiros.

Com a iminente saída de Jonas, o Flamengo pode buscar reforços para a função. Atualmente, o técnico Maurício Barbieri conta com Cuéllar, Arão, Rômulo, Ronaldo e Jean Lucas, todos com características mais ofensivas.

O meio-campista será o terceiro nome a sair do Rubro-Negro nesta janela de transferências internacional. O Vinícius Júnior defenderá o Real Madrid (ESP). Felipe Vizeu, por sua vez, foi negociado com a Udinese, da Itália.

DE FORA DOS PLANOS À TITULAR NA LIBERTA

Emprestado ao Coritiba, Dínamo Zagreb e Ponte Preta nas últimas duas temporadas, Jonas iniciou 2018 fora dos planos do Flamengo. Sem ofertas, o volante "foi ficando", conquistou seu espaço e,  por fim, a titularidade com o técnico Carpegiani. São 23 partidas pelo Fla no ano, sendo 14 desde o início.

Com Cuéllar suspenso para as duas primeiras rodadas da Libertadores, Carpegiani priorizou a busca por um substituto dentro do elenco. As opções iniciais seriam Rômulo e Arão, mas os dois não convenceram o treinador.

Desta forma, Jonas "furou a fila" e atuou em confrontos decisivos, como contra o River Plate (ARG), no Rio de Janeiro, e Emelec (EQU), em Guayaquil. O meia foi seguro, firme na marcação, mas com o retorno de Cuéllar, retornou ao banco de reservas, mas com mais moral do que os outros concorrentes da função.

Com a troca no comando técnico - Carpegiani foi demitido em março -, Jonas perdeu espaço e tem atuado menos sob o comando de Maurício Barbieri. O treinador tem optado por um meio de campo mais leve, com volantes com maior qualidade na saída de bola. Além de Cuéllar, Jean Lucas ganhou minutos.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance