Fábio Santos lamenta derrota e reprova horário do clássico
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Fábio Santos lamenta derrota e reprova horário do clássico

Fábio Santos
Lateral-esquerdo garante que empate seria o resultado mais justo no clássico (Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)
LANCE! - 04/03/2018 - 14:23
Belo Horizonte (MG)
No primeiro clássico do ano pelo Campeonato Mineiro, o Atlético acabou sendo derrotado pelo Cruzeiro e pôs fim a sequência de quatro jogos sem perder para o maior rival. Apesar do revés por 1 a 0, o que pesou para o lateral-esquerdo Fábio Santos foi o horário do jogo, às 11h, em um dia de forte calor em Belo Horizonte.

- Poucas finalizações dos dois times. Foi um jogo muito truncado, mas quero ‘parabenizar’ quem colocou o jogo às 11h da manhã, pois isso não existe. É desumano. Não tem como você cobrar qualidade, empenho, em um jogo onde todo mundo acaba ‘morto’. O torcedor que perde com tudo isso.

Durante o primeiro tempo, o Galo não conseguiu pressionar o adversário e o Cruzeiro aproveitou as falhas do time alvinegro para criar as principais chances. O jogo só ficou equilibrado no segundo tempo, após a expulsão do lateral-direito Edílson. Deixando os erros de arbitragem de lado, Fábio Santos acredita que o empate seria o resultado mais justo para os dois lados e atrela a derrota a falta de atenção na marcação.

- No meu modo de ver, no primeiro tempo a equipe teve uma postura um pouco mais defensiva, no segundo tempo acabamos saindo mais. Até começamos melhor no segundo tempo, foi uma bobeira no gol, pois o Rafinha quis tocar no Thiago Neves, mas a bola acabou sobrando para o Raniel marcar. Foi ataque contra defesa, porque a equipe deles estava com 10 jogadores. Foi um jogo truncado, o empate seria mais justo - finalizou.

O dia não foi dos melhores para o lateral, que completou seu centésimo jogo com a camisa atleticana. Destes, foram 48 vitórias, 24 derrotas e 28 empates. Na equipe desde 2016, o jogador foi destaque na temporada passada e assinou uma renovação de contrato, que vai até dezembro de 2020.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance