Após empate, Sidnei Lobo enaltece: 'A entrega deixou a gente feliz'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Após empate, Sidnei Lobo enaltece: 'A entrega deixou a gente feliz'

Sidney Lobo Palmeiras
Sidnei Lobo foi o técnico do Palmeiras no empate diante do Atlético-MG (foto: Eduardo Carmim/Photo Premium)
LANCE! - 06/10/2019 - 19:22
Rio de Janeiro (RJ)
Auxiliar do técnico Mano Menezes, Sidnei Lobo foi quem comandou o Palmeiras no empate diante do Atlético-MG, na tarde deste domingo, em São Paulo, devido ao fato de Mano ter cumprido nesta rodada suspensão automática. O treinador interino, em entrevista coletiva após o duelo, analisou o desempenho de seus jogadores, enaltecendo que a entrega deixou todos felizes, mesmo com o desejo de ter conquistado a vitória, o que não aconteceu.

- Tivemos a proposta de inicio de jogo para ter um controle maior da bola. Enfrentamos um adversário que veio com uma ideia de nos surpreender. Uma equipe com três atletas grandes e bom tempo de bola, então tivemos dificuldades. Na segunda parte a ideia foi tirar o Lucas e jogar com outro centroavante para fazer uma infiltração com um jogador de trás. Claro que a gente queria um resultado melhor, mas a entrega deixou a gente feliz - analisou o treinador, completando:

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR E SIMULAR A TABELA DA COMPETIÇÃO



E MAIS:
- Sabíamos que o comportamento deles seria esse, pelo respeito ao Palmeiras, o volume. Ficamos bastante com a bola nos primeiros 30 minutos, e a estratégia deles foi recuperar essa bola e sair em contra-ataque. Todo mundo sabe que o Otero bate bem na bola. A gente esperava mais, o volume que tivemos em outros jogos, mas a marcação do adversário dificultou muito. Toda a vez que a gente tinha a posse a equipe do Atlético já voltava. Na segunda parte fomos mais agressivos, a torcida veio junto, poderíamos ter feito o gol.

Com o resultado, o Palmeiras chegou a 47 pontos, seguindo na segunda colocação do Campeonato Brasileiro - agora, está a cinco pontos do líder Flamengo. Contando com o retorno de Mano Menezes, o time volta a campo pela competição na quarta, quando faz o clássico paulista com o Santos. Sidnei Lobo finalizou a conversa com os jornalistas neste domingo falando justamente sobre a disputa pela liderança, o que ele vê "plenas condições".

- Poderíamos ter mais sorte se tivessem validado nosso gol lá em Porto Alegre, a nossa diferença para o Flamengo seria menor. Deixa a gente triste por estar jogando em casa, todo mundo esperava o resultado, mas vamos trabalhar. Tem muito caminho ainda, essa semana vamos trabalhar bem, enfrentar um adversário direto fora de casa. Temos plenas condições de continuar vencendo os próximos jogos para lutar pelo título - finalizou o comandante.

Facebook Lance Twitter Lance