Palmeiras encurta distância após dez rodadas e tenta pôr pressão no líder
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Palmeiras encurta distância após dez rodadas e tenta pôr pressão no líder

Dudu
Dudu é o destaque do Palmeiras, que enfrenta o Ceará neste sábado, no Allianz Parque (Foto: Cesar Greco)
Thiago Ferri - 02/11/2019 - 07:00
São Paulo (SP)
Depois de vencer o São Paulo e encurtar a distância do líder para oito pontos, o Palmeiras recebe neste sábado, às 19h, o Ceará no Allianz Parque. Embalado por uma atuação convincente nos 3 a 0 do Choque-Rei, o Verdão tenta recolocar pressão no Flamengo, que só joga domingo, contra o Corinthians.

Foi a primeira vez que o atual campeão conseguiu diminuir a vantagem rubro-negra depois de 10 partidas. Desde que venceu o Fluminense, em jogo atrasado da 16ª rodada e ficou a três pontos do rival, a distância apenas subiu, chegando ao recorde de dez pontos.

-> Saiba como está a classificação do Brasileiro e use o simulador!



Caso o Palmeiras faça a sua parte e ganhe do Ceará, o Flamengo enfrentará o Corinthians com cinco pontos de frente. Em 2009, por exemplo, quando o rubro-negro era quem caçava o clube alviverde, a vantagem palmeirense era ainda maior: de nove pontos após 29 rodadas, e o rival era apenas o sexto.

De acordo com o matemático Tristão Garcia, do site Infobola, o Palmeiras tem 6% de chances de conquistar o título brasileiro, contra 93% do Flamengo e 1% do Santos. O time de Jorge Sampaoli tem 55 pontos, contra 60 do Palmeiras e os 68 do primeiro colocado.

Restando nove partidas a disputar, os dois líderes terão cinco rivais em comum nesta reta final: Corinthians, Bahia, Vasco, Grêmio e Ceará. Haverá, ainda, o confronto direto entre os dois clubes, no dia 1º de dezembro, com mando palmeirense, na 36ª rodada.

Até lá, Mano Menezes pede para que o Palmeiras faça apenas sua parte, o que tem ocorrido: a campanha de 2019, junto com a de 2016, é a melhor da história do clube nos pontos corridos. Nem em 2018 o Verdão somava tantos pontos depois de 29 jogos disputados.

- A gente tem que se preocupar conosco, fazer bem o que temos para fazer. Vamos jogar para nós, entregar para o nosso torcedor, entregar algo que deixe todos felizes. Depois a gente soma os pontos no final - afirmou Mano Menezes.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance