Nasri monta sua seleção ideal com três brasileiros
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Nasri monta sua seleção ideal com três brasileiros

  •  Nasri e Neymar - Sevilla x Barcelona
    Nasri escalou sua seleção dos sonhos CRISTINA QUICLER / AFP
  •  Fabien Barthez (Foto: AFP)
    Goleiro: Fabien Barthez Fabien Barthez (Foto: AFP)
  •  Cafu beija o troféu da Copa América de 1999
    Lateral-direito: Cafu AFP
  •  Lilian Thuram
    Zagueiro: Lilian Thuram Divulgação
  •  Paolo Maldini - Milan - 1985 a 2009
    Zagueiro: Paolo Maldini CARLO BARONCINI / AFP
  •  Rexona - Roberto Carlos e Barthez
    Lateral-esquerdo: Roberto Carlos (foto:AFP)
  •  Patrick Vieira - Manchester City (Foto: Divulgação)
    Meia: Patrick Vieira (Foto: Divulgação)
  •  1974 - Johan Cruyff (Barcelona)
    Meia: Johan Cruyff STF / AFP
  •  1986 (alternativo) - Maradona (Napoli)
    Meia: Maradona STAFF / AFP
  •  Zidane na final da Copa do Mundo de 98, contra o Brasil
    Meia: Zidane  (Foto: PATRICK HERTZOG)
  •  Apesar do vice na Copa de 98, Ronaldo foi eleito o melhor jogador daquele Mundial
    Atacante: Ronaldo AFP
  •  Al Ahli x Barcelona - Messi
    Atacante: Messi (Foto: AFP)
LANCE! - 07/01/2017 - 08:30
São Paulo (SP)
Aos 11 anos, o menino Samir Nasri comemorava o primeiro e único título mundial da França. Aquela seleção parece ter ficado gravada na memória do jovem francês que lembrou de quatro atletas campeões em sua equipe ideal. Com passagens por todas as seleções de base do país, Nasri chegou a ser comparado com Zidane no início da carreira, aos 17 anos.

Revelado pelo Olympique de Marselha, o meia jogou de 2008 a 2016 na Inglaterra, por Arsenal e Manchester City, antes de ser emprestado ao Sevilla, hoje comandado pelo argentino Jorge Sampaoli.

Em entrevista ao jornal Marca, Nasri escalou sua seleção ideal. No gol, o compatriota Barthez. A defesa é formada pelos laterais brasileiros Cafu e Roberto Carlos, pelo francês Thuram e pelo italiano Maldini. No meio, o marcador Vieira segura o piano para Maradona, Cruyff e Zinedine Zidane. Na frente, Messi e Ronaldo Fenômeno. Como todas as listas, as ausências são destaque e a de Cristiano Ronaldo causou espanto na mídia espanhola.

Facebook Lance Twitter Lance