Cafu revela choro diário após morte do filho: 'Não assimilei o fato de que enterrei um filho'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Cafu revela choro diário após morte do filho: 'Não assimilei o fato de que enterrei um filho'

Cafu com a família
Cafu ao lado dos filhos, inclusive Danilo (a dir) (Foto: reprodução/Instagram)
LANCE! - 01/11/2019 - 19:48
Em sua primeira entrevista após a morte de Danilo Feliciano, o lateral-direito pentacampeão mundial Cafu desabafou sobre o triste episódio do falecimento de seu filho.

E MAIS:
O ex-jogador contou, em entrevista à 'Veja', como está sendo sua rotina após a morte de Danilo, vítima de um infarto fulminante aos 30 anos de idade. Segundo Cafu, ele ainda não assimilou a partida de seu filho.

- Ainda não assimilei o fato de que enterrei um filho. Vou ao cemitério a cada cinco dias, não tive coragem de entrar no quarto dele e nunca mais pisei no campo onde tudo aconteceu - afirmou.

O ex-jogador também revelou que Wellington, irmão de Danilo, doou todos os pertences que estavam no quarto do irmão falecido.

- Enterrar um filho foge do contexto geral, de tudo o que você sente ao longo da vida. Não tive coragem de entrar no quarto dele até agora. Meu filho Wellington recolheu as coisas e colocou tudo para doação. Nunca mais pisei no campo onde aconteceu a convulsão. Não sei como descrever a sensação de jogar terra sobre o caixão de um filho sabendo que ele não vai mais voltar (lágrimas). A morte de um filho acompanha um pai e uma mãe para o resto da vida - finalizou.

Danilo faleceu no dia 4 de setembro enquanto disputava uma partida de futebol com amigos e familiares no condomínio Alphaville, em São Paulo. Ele chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu.

Facebook Lance Twitter Lance