Nascidos em 2002 e amigos, garotos do Santos se destacam na Copinha
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Nascidos em 2002 e amigos, garotos do Santos se destacam na Copinha

Sandry e Kaio - Santos - Copinha
Sandry e Kaio jogam juntos desde os dez anos e agora atuam no sub-20 (Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos)
LANCE! - 08/01/2018 - 08:05
São Paulo (SP)
A vitória por 3 a 0 do Santos sobre o Aliança na Copinha garantiu vaga na próxima fase da competição, mas foi especial para dois personagens, os mais jovens do elenco santista: Kaio Jorge e Sandry, cada um com 15 anos. Para se ter uma ideia, ambos nasceram no ano em que Robinho brilhava com as pedaladas e levava o Peixe à conquista do Brasileirão-2002. Contra o Novorizontino, às 21h, nesta segunda-feira, eles esperam ter uma nova oportunidade.

E o atacante Kaio saiu de campo na última sexta-feira com um trunfo para pedir passagem ao técnico Aarão Alves. Isso porque, aos 31 minutos do segundo tempo, ele aproveitou passe de Calabres para marcar o terceiro dos santistas na partida.

- Graças a Deus tive um bom posicionamento. Venho trabalhando nos treinos de finalização e estava preparado. A hora chegou e eu consegui fazer o gol. Estou muito feliz - disse Kaio em entrevista ao site oficial do clube.

A expectativa da joia do Peixe era ter entrado na primeira partida, mas isso não afetou o desempenho e o pensamento do jogador, que projeta cumprir mais etapas após jogar com o sub-20.

- Eu queria muito entrar na primeira partida, mas não acabou acontecendo. Agora o professor me deu uma oportunidade e fui feliz. É muito importante para a gente, por sermos novos e estarmos aqui no sub-20. Agora é continuar batalhando aos pouquinhos para que lá na frente eu possa subir para o profissional - completou Kaio.

Outro jogador da Geração 2002 que entrou em campo na última sexta-feira foi o volante Sandry, que teve participação importante no toque de bola e na saída para o ataque, que melhoraram a qualidade da equipe que havia caído de produção.

- A gente fica muito feliz por já tão novos estarmos disputando a Copa São Paulo. Também estou feliz com as oportunidades que o professor Aarão está me dando de eu entrar nos jogos. Estou tentando corresponder da melhor forma - declarou Sandry, antes de revelar um certo nervosismo antes ir a campo:

- Sempre tem um friozinho na barriga quando vai entrar em campo, mas depois que entramos acaba acostumando e aí temos que ter atitude. Jogar no Santos é ter alegria, tento passar isso dentro de campo e está dando certo, graças a Deus - destacou o volante.

Kaio Jorge e Sandry jogam juntos há cinco anos e, ao lado de Giovanni, outro jovem de 15 anos no grupo da Copinha, usam dessa longa parceira para evoluírem e ajudarem o Santos a ter sucesso na competição.

- Estou jogando há cinco anos com o Kaio e o Giovanni. Isso ajuda muito. Fora de campo a gente tem entrosamento também. Conversamos bastante e tentamos levar isso para os jogos -  acrescentou Sandry.

- Somos praticamente uma família. Todo mundo unido em busca do mesmo objetivo. Esperamos ir bem nos próximos jogos - finalizou Kaio.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance