Flamengo breca negócio por Zeca, e Santos avança com o Internacional
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Flamengo breca negócio por Zeca, e Santos avança com o Internacional

Zeca
Lateral-esquerdo Zeca não atua desde outubro e tem audiência marcada para 28 de abril (Foto: Ivan Storti/Santos)
Ana Canhedo e Guilherme Abrahão - 07/04/2018 - 07:00
São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ)
Flamengo e Internacional estão no páreo pelo lateral-esquerdo Zeca. O LANCE! apurou que os dois clubes mantêm contato próximo com a diretoria do Santos. Pelo lado Rubro-Negro, a pedida de R$ 7 milhões de euros (R$ 28 milhões) do Alvinegro assustou e as conversas estão paralisadas até que o departamento de futebol seja reestruturado - o clube carioca busca um técnico e um diretor executivo de futebol. O time da Gávea pode ter de envolver Willian Arão no negócio, conforme publicado pelo Yahoo Esportes, já que o volante é desejo do técnico Jair Ventura e foi um pedido do Alvinegro. Já pelo lado Colorado, a proposta envolve a permanência de Eduardo Sasha em Santos e dinheiro.

Em contato com a reportagem, o executivo do clube gaúcho, Jorge Macedo, negou as conversas. A estratégia, porém, faz parte das últimos negócios bem-sucedidos do Inter. De acordo com o site Zero Hora, a oferta colorada inclui mais 2 milhões de euros (R$ 8 milhões), além da permanência de Sasha na Vila Belmiro. O L! apurou com pessoas ligadas ao Peixe que as conversas avançaram e o valor de compensação ainda está sendo negociado entre as partes. O atacante é um dos principais jogadores do elenco comandado por Jair Ventura e vive ótimo momento.  

José Carlos Peres, presidente do Santos, embora tenha passado os últimos dias no México, já havia dito publicamente que pretende adquirir os direitos econômicos de Sasha. Portanto, uma negociação com o Inter resolveria dois "problemas" de uma vez só. A audiência de Zeca está marcada para o dia 28 de abril e seu estafe busca um acordo com o clube paulista antes disso - na Justiça, ele alega o não depósito de seu Fundo de Garantia e falta de segurança no trabalho.

Uma negociação com o Corinthians fracassou depois dos próprios empresários do jogador não conseguirem dar garantias suficientes de que arcariam com o prejuízo em caso de derrota judicial. O jogador chegou até mesmo a fazer exames no CT do rival paulista e por pouco não foi anunciado. 

Flamengo mantém esperanças 
O Flamengo se aproximou de um acerto com Zeca sem acordo com o Santos. Do mesmo jeito que aconteceu com o Corinthians depois, o clube Rubro-Negro esbarrou na falta de garantias em uma eventual derrota jurídica do lateral-esquerdo no imbróglio com o Peixe. As negociações foram retomadas sob o comando de Rodrigo Caetano, até então diretor-executivo do Fla. Com a sua demissão, as conversas foram paralisadas. 

A pedida inicial do Santos, de R$ 28 milhões, assustou o Rubro-Negro, que segue disposto a conversar depois de se reestruturar. No caso de Arão, o negócio pode ser facilitado já que tanto ele, quanto Zeca tem Bruno Paiva, da OTB Sports, como empresário.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance