Com primeiro tempo eletrizante, Milan vence Sampdoria em casa
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Com primeiro tempo eletrizante, Milan vence Sampdoria em casa

Higuaín
Higuaín marcou o gol de empate (Foto: Reprodução)
LANCE! - 28/10/2018 - 15:56
Milan (ITA)
O Milan levou susto, mas conseguiu garantir a vitória, na partida contra a Sampdoria, neste domingo, pelo Campeonato Italiano. Os rossoneri abriram o placar, no início do primeiro tempo, mas sofreram dois gols em sequência, com Saponara e Quagliarella. Higuaín empatou a partida, ainda na primeira etapa e, na volta, Suso marcou o gol decisivo, para alívio dos torcedores: 3 a 2.

Milan abre o placar
Na 15ª colocação e vindo de derrota no meio de semana para o Betis, pela Liga Europa, por 2 a 1, em casa, o Milan precisava dar uma resposta positiva para a sua torcida. Dessa forma, a equipe começou atacando e Higuaín ficou muito próximo de abrir o placar, mas a bola saiu à esquerda. Pouco tempo depois, o Milan marcou com Cutrone. Após bom cruzamento de Suso, o jovem atacante italiano cabeceou com firmeza e fez 1 a 0 para o clube da casa.

Reação rápida
A reação do Sampdoria foi rápida. Apenas quatro minutos depois do gol de Cutrone, Saponara recebeu dentro da área, limpou com tranquilidade a jogada e bateu cruzado, forte, para empatar a partida e aumentar a pressão.

Virada da Samp
A equipe visitante, com o gol, passou a jogar com mais tranquilidade e ampliou o marcador ainda no primeiro tempo. Saponara deu um lindo lançamento nas costas da defesa milanista e encontrou o veterano atacante Fabio Quagliarella. O italiano pegou de primeira, sem deixar a bola cair e colocou no canto esquerdo, sem chances para Donnarumma.

Higuaín decisivo
O jogo continua eletrizante. A pressão do bom resultado ainda afetava o Milan. Contratado para ser a estrela do time, Gonzalo Higuaín resolveu aparecer na partida. Suso lançou o argentino, dentro da área e o atacante, oportunista, bateu na saída do goleiro para empatar a partida.

O gol da virada
No segundo tempo, o ritmo caiu um pouco. O Milan, porém, passou a ser mais incisivo e a controlar o jogo, se aproximando mais do gol da vitória. Muito bem na partida, Suso recebeu na ponta direita, conduziu para o meio e bateu rasteiro, de fora da área. A bola quicou próxima da pequena área e venceu o goleiro Audero. O Milan virou a partida e diminui um pouco a pressão.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance