Lucão vibra com chances e projeta: 'Trabalho visando a titularidade'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Lucão vibra com chances e projeta: 'Trabalho visando a titularidade'

Lucão - Fluminense
No Fluminense, Lucão recebeu a sua primeira oportunidade em um grande clube (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)
Joel Silva - 25/10/2019 - 08:00
Rio de Janeiro (RJ)
Contratado em agosto para suprir a saída de Pedro, que se confirmou em setembro, Lucão ainda busca o seu espaço no Fluminense. Próximo de completar três meses no clube, o atacante atuou pouco, apenas quatro partidas, somando 37 minutos em campo. No entanto, indícios dão conta de que uma chance entre os titulares está cada vez mais próxima de acontecer.

O jogador entrou em campo nas duas últimas partidas, contra Athletico e Flamengo. O detalhe é que no clássico, Lucão foi escolhido por Marcão, antes de João Pedro, que também estava como opção e vinha sendo titular no comando de ataque. Essa curta sequência acontece após o atacante observar do banco de reservas cinco jogos consecutivos, sem ter tido uma oportunidade. Focado, Lucão almeja a titularidade e se diz pronto para isso.

- O trabalho diário é justamente para estar preparado pra ajudar a equipe no momento que o professor me chamar. Trabalho sempre visando a titularidade, pois entendo que é isso que o clube precisa e essa ambição é muito saudável no grupo. Espero aproveitar cada chance da melhor maneira possível para conquistar cada vez mais espaço por aqui.

TABELA
Confira a classificação do Campeonato Brasileiro




No próximo sábado o Fluminense encara a Chapecoense, no Maracanã, adversário direto na luta contra o rebaixamento. A tendência é de que Lucão fique mais uma vez como opção no banco de reservas. Entretanto, baseado no histórico recente, o atacante vai ser utilizado. Depois, o Tricolor enfrenta o Ceará, outro time que briga na parte de baixo. Para o jogador, uma sequência decisiva para o Tricolor.

- Todos os jogos têm sido tratados como uma decisão pra nós. O grupo está focado e estamos preparados pra buscar a vitória nestas duas partidas de seis pontos. Precisamos matar o jogo nas melhores oportunidades que temos, sem dar muito espaço pros caras jogarem ou saírem em contra ataque.

BATE-BOLA COM LUCÃO


O que explica a ausência de oportunidades anteriormente?
- Foram escolhas da antiga comissão e respeito. Acredito que posso ajudar muito ainda a equipe e o clube e estou à disposição, pronto pra entrar em campo e representar as cores do FLU, me doando ao máximo em cada partida.

A gente percebe que o grupo é muito unido. Como vocês estão recebendo essas vaias ao Ganso e João Pedro, concorrente direto da sua posição?
- Entendo que o torcedor está se manifestando por achar que o time pode dar mais e respeitamos este tipo de posicionamento, desde que seja de forma pacífica. Ambos atletas estão trabalhando forte como todos nós. Penso que o torcedor precisa neste momento apoiar o Fluminense de maneira geral, pois precisamos da sua força no estádio como um 12º jogador em campo, a favor do nosso time. Tenho certeza logo as coisas vão melhorar e teremos mais momentos de alegria junto à nossa torcida.

Essa é a sua primeira oportunidade em um grande clube no Brasil. Já se sente totalmente adaptado?
- Me sinto bem aqui no Flu e o grupo e a direção me acolheram muito bem. Em outros clubes por onde passei a pressão também era grande, mas o Fluminense tem uma dimensão maior por ser um dos clubes mais tradicionais do nosso futebol. Estou feliz aqui e espero dar muitas alegrias ao nosso torcedor o mais breve possível.

Caso jogue contra a Chapecoense, dá para prometer um gol? Se sim, vai ter break?
- O que posso prometer é que, se tiver gol, tem break (risos). Espero fazer a dança o quanto antes e o maior número de vezes possível. Estou empenhado e sei que as oportunidades aparecerão. Em breve teremos break pelo Flu, se Deus quiser.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance