Itair Machado terá de esclarecer declarações sobre o caso Fred na CBF
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Itair Machado terá de esclarecer declarações sobre o caso Fred na CBF

f
Itair terá de esclarecer as declaraçoes dadas em dezembro de 2018- Vinnicius Silva/Cruzeiro
Valinor Conteúdo - 31/01/2019 - 19:39
Belo Horizonte
O vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Itair Machado, será convocado pela CBF para esclarecer as declarações que deu sobre um suposto favorecimento para o Atlético-MG no julgamento sobre o pagamento de R$ 10 milhões de reais da multa rescisória do atacante Fred, que deixou o Atlético-MG em 2017 para assinar com o Cruzeiro.

Segundo o alvinegro, havia uma cláusula no contrato de Fred que previa o valor da multa caso o atacante fosse para a Raposa. O caso foi julgado na Câmara Nacional de Resoluções e Disputas (CNRD), órgão da CBF, que deu ganho de causa para o Galo, mas o time celeste vai recorrer e a decisão final ainda não foi confirmada.

Itair falou que o resultado favorável ao Galo teve um lobby forte, prejudicando o Cruzeiro na decisão final do caso. A fala do dirigente da Raposa ecoou no STJD, pois a CBF entrou com uma notícia de infração , o que vai gerar a convocação de Itair Machado para prestar esclarecimentos sobre a acusação de lobby para o Atlético-MG.


Itair Machado contestou o resultado do julgamento e em em entrevista à Rádio Itatiaia, em dezembro do ano passado, disse que a decisão foi tomada à base do lobby a favor do Atlético-MG.


E MAIS:
- O Cruzeiro acreditava que o julgamento seria na questão jurídica, e não foi. A própria decisão, onde um dos membros fala que não deve abaixar a multa, porque eu dei uma entrevista e falei que R$ 10 milhões para o Fred era pouco, por aí você vê que a decisão foi no lobby. A gente sabe que existe essas coisas, principalmente no Rio de Janeiro. Eu adoro o Rio de Janeiro, mas lá, onde o (Sérgio) Cabral (ex-Governador) foi preso, a gente sabe que tem todos os caminhos. Foi absurdo o que aconteceu.


O vice da Raposa direcionou sua acusação ao vice-presidente da CBF e da Federação Mineira de Futebol, Castellar Neto, que também é conselheiro do Atlético-MG, como influenciador no caso que deu ganho para o Galo.

- E eu avisei ao presidente da CBF que enquanto ele (Castellar) estiver lá, qualquer causa que envolver Cruzeiro e Atlético nós vamos perder. Lá é na base do lobby. Falei para o nosso advogado, que, por incrível que pareça, foi o idealizador da CNRD: você coloca o "advogadozinho" lá, está morrendo por causa de honorário. Aí ele é amigo do fulano. Aí A ou B chega para o fulano: "Toma o honorário aqui, vai lá e convence fulano a votar pra mim". Você tem que colocar ali pessoas bem sucedidas, que não precisam de dinheiro, que não vão aceitar lobby ou dinheiro.


As relações entre o Cruzeiro e a FMF balançaram ainda mais no início de 2019, quando a Raposa declarou que vai romper com a entidade, reforçando a acusação de favorecimento ao Atlético-MG.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance