Circuito Brasileiro de vôlei de praia é de Fernanda Berti e Bárbara Seixas
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Circuito Brasileiro de vôlei de praia é de Fernanda Berti e Bárbara Seixas

Comemoração de Fernanda Berti e Bárbara Seixas
Comemoração de Fernanda Berti e Bárbara Seixas (Wander Roberto/Inovafoto)
Web Vôlei - 13/04/2019 - 14:48
São Paulo
Fernanda Berti e Bárbara Seixas conquistaram na manhã deste sábado o título da temporada 2018/2019 do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia.

A dupla confirmou a conquista geral – que soma os pontos de todas as etapas - ao avançar à final da etapa de João Pessoa (PB), sétima e última parada do giro nacional. Assim, Ágatha/Duda (PR/SE), que também estavam na disputa, não podem mais alcança-las.Elas encaram na decisão, que ocorre ainda hoje, às 21h (de Brasília), Talita e Taiana (AL/CE), com transmissão ao vivo no SporTV 3. Antes da final, às 20h, Ágatha/Duda (PR/SE) e Carolina Solberg/Maria Elisa (RJ) disputam o bronze, também com transmissão ao vivo do SporTV, a partir das 19h55. A entrada na arena montada na Praia de Cabo Branco é gratuita, e além das disputas de medalha, também ocorrem os jogos das semifinais do torneio masculino.

Fernanda e Bárbara tiveram regularidade como principal marca. Nas sete etapas disputadas elas conquistaram um ouro em Vila Velha (ES), prata na etapa de Campo Grande (MS) e bronze em Palmas (TO) e Natal (RN). Só ficaram fora da semifinal em São Luís (MA). Regularidade destacada por Fernanda, que conquista pela primeira vez o título do Circuito Brasileiro.

- Estou muito feliz, um título muito especial por ser meu primeiro, e até pelo fato de a nossa preparação nesse ano ser focada na corrida olímpica. E esse título é um presente pela nossa dedicação, esforço, por estarmos treinando muito forte. Fomos regulares, chegamos em seis semifinais de sete torneios. O que também é importante para a corrida olímpica - disse Fernanda Berti, que migrou da quadra para a praia em 2012.

- O vôlei de praia me deu essa gana, essa vontade de evoluir e vencer, que talvez estivesse menor na quadra. Temos que ter aquele frio na barriga. Vim buscando isso, e foi exatamente o que encontrei. Não foi fácil, ainda tenho coisas do voleibol de quadra, ainda passo por uma adaptação, mesmo após todos esses anos. Não tive uma formação na praia. Mas também em alguns pontos isso também seja uma vantagem. Estou muito feliz e satisfeita com essa decisão, coroada agora com esse título muito difícil de se conquistar - completou.

Se Fernanda Berti conquista seu primeiro título de temporada, a medalhista olímpica Bárbara Seixas vence pela terceira vez. Ela foi campeã geral com a ex-parceira Ágatha nas temporadas 12/13 e 13/14. A defensora carioca comentou a importância da comissão técnica e do trabalho árduo no dia a dia.

- Estou muito feliz, quando embarcamos neste projeto, foi justamente no intuito de me reinventar de várias maneiras, e está sendo muito engrandecedora a experiência. Todos estamos buscando a perfeição, dar o melhor sempre. E é sempre bom ganhar. É fruto do nosso trabalho, o Rico (de Freitas, treinador da dupla) sempre fala que o trabalho compensa e é verdade. Ano passado nós não estávamos nem sentindo o cheiro deste título, e mantivemos a nossa proposta, tentando fazer o nosso melhor. Fico muito feliz pela Fernanda, a gente ainda não tinha um título de etapa, e conseguimos nesta temporada. Significa muito - disse Bárbara, que completou.

- Este ano tivemos mais tempo para fazer uma pré-temporada para o Circuito Mundial, embora tenhamos sido prejudicadas com o cancelamento de duas etapas lá fora. Acabou que tivemos quatro meses só com o Brasileiro, assim conseguimos colocar em ação todas as etapas deste treinamento. Esta etapa de João Pessoa não poderia ser melhor, pois seria já a etapa que viríamos mais refinadas, mais preparadas fisicamente por causa da proximidade com o Circuito Mundial. Então conseguimos demonstrar isso chegando à final e ao título da temporada.

Fernanda e Bárbara venceram na semifinal Carol Solberg e Maria Elisa por 2 sets a 0 (21/14, 28/26), garantindo presença na decisão. Do outro lado da chave, Talita e Taiana superaram Ágatha e Duda por 2 sets a 1 (21/17, 21/23, 22/20). É a primeira final desde a retomada da parceria de Talita e Taiana, no final de 2018. Talita, que foi mãe recentemente, também comemorou a evolução do desempenho.

- Estou muito feliz, é claro. Desde que eu voltei nosso time conseguiu chegar em todas as semifinais, foram jogos diferentes, é verdade. Circunstâncias diferentes, jogos bons e outros que não fui bem. Eu estou retomando a forma, venho fazendo um trabalho desde que voltei. A felicidade é ver os frutos desse trabalho. A gente vem fazendo tudo um passo de cada vez e é gratificante quando na prática a gente consegue fazer o que planejamos, fazer jogos bons contra times fortes. Fico feliz pelo meu técnico (Renato França) também, que também é meu marido, fico feliz pela minha parceira. E era a última etapa antes de irmos para o Circuito Mundial, isso motiva e mostra que estamos no caminho certo.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance