Jogadores convocados para a Seleção Sub-20: uma das primeiras decisões de Ricardo Sá Pinto no Vasco
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Jogadores convocados para a Seleção Sub-20: uma das primeiras decisões de Ricardo Sá Pinto no Vasco

Talles, Bruno Gomes e Lucão - Vasco
Promessas do Vasco têm diferentes graus de importância, mas o técnico é novo no país (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
Felippe Rocha - 15/10/2020 - 07:30
Rio de Janeiro (RJ)
Ricardo Sá Pinto chega ao Brasil nesta quinta-feira para ser o novo técnico do Vasco e uma das primeiras decisões que terá de tomar será a de permitir ou não a liberação de três jogadores para um período de treinos com a Seleção Brasileira Sub-20. Os convocados foram Lucão, Bruno Gomes e Talles Magno. Cada um com uma importância diferente a ser sentida, se realmente estiverem com a delegação canarinho nas atividades que começam semana que vem.

O goleiro é o reserva imediato de Fernando Miguel. Sem ele, quem ficaria a postos no banco de reservas seria Alexander, de 21 anos, dois a mais que Lucão, mas que também já estreou como profissional.


O caso de Bruno Gomes é mais curioso. De características elogiadas, ele vem sofrendo com os cartões desde que estreou na categoria principal, no ano passado. Só vermelhos foram dois nas últimas quatro semanas. Mas a depender de como Sá Pinto observar melhor a equipe, o meio-campista pode ser valorizado.

Já Talles Magno tem situação bipolar. Embora cobrado por vir brilhando menos do que no ano passado, os números mostram a importância dele para o Vasco. Apesar de ter marcado apenas dois gols (um no último jogo) nos 25 jogos na temporada até aqui, a titularidade dele nunca foi contestada.

No Campeonato Brasileiro, ele é o maior driblador do time: média de 2,5 dribles bem sucedidos por jogo. A média de finalizações é de 1,2. Perde apenas para o centroavante Germán Cano. Defensivamente, é o terceiro jogador que mais desarma na equipe. Com média de 1,6, é superado apenas pelos meio-campistas Andrey e Benítez.

Tecnicamente, em tese, é o jogador que pode fazer mais falta para o treinador. É improvável que ele e a diretoria do Vasco liberem o atleta. Por outro lado, e vale também para os outros dois citados, participação em eventos de seleções de base sempre valorizam jogadores. E um clube endividado precisa fazer boas vendas.

O período de treinos para o qual o trio foi convocado vai do dia 21 deste outubro até o dia 31 do mesmo mês. Como não se trata de uma Data Fifa, as negociações entre entidades são comuns. A ver a decisão do departamento de futebol vascaíno.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance