Apreensão com chuva e expectativa por Guarín marcam vitória do Vasco
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Apreensão com chuva e expectativa por Guarín marcam vitória do Vasco

Vasco x Oriente Petrolero - Henrique
Henrique é o titular do Vasco na lateral-esquerda em 2020 (Foto: MAURO PIMENTEL / AFP)
Luiza Sá - 06/02/2020 - 14:28
Rio de Janeiro (RJ)
Horas antes da vitória por 1 a 0 contra o Oriente Petrolero (BOL), pela Copa Sul-Americana, houve receio de que, assim como na última quinta-feira, a partida não tivesse condições de acontecer. Isso porque as fortes chuvas na região de São Cristóvão deixaram o Estádio de São Januário sem luz, situação resolvida cerca de uma hora e meia antes de a bola rolar. Após a partida, o lateral-esquerdo Henrique comentou a apreensão do elenco com o possível adiamento. Contra a Cabofriense, os jogadores precisaram atuar às 11h do dia seguinte, sob forte calor.

- Da outra vez estávamos jantando e começaram a mandar os vídeos para o nosso grupo. E dessa vez foi igual. Ficamos pensando: 'Será que a gente vai chegar lá e...(risos)'. Mas graças a Deus pudemos jogar hoje, porque sabemos que jogar no horário que jogamos da outra vez (11h, no dia seguinte) é bem cansativo, bem maçante, ainda mais no início de temporada. Ainda bem que pudemos jogar - disse.




E MAIS:
A noite marcou também a presença do colombiano Fredy Guarín na casa vascaína. Ele está prestes a assinar um novo contrato com o Vasco por duas temporadas e foi ovacionado pelos torcedores no intervalo da partida.

- É um grande reforço. Sabemos que o Guarín é um jogador de nível internacional. Jogou em grandes clubes. Vimos a qualidade dele aqui no ano passado e sabemos que vai ajudar muito. Torcemos para que acerte logo para termos o convívio dele, que é gente boa. Escutei a torcida gritando o nome dele e imaginei que estivesse aqui. É um grande jogador e grande pessoa - completou.

Facebook Lance Twitter Lance