'Quem marcar melhor, ganha o jogo': Diniz orienta atividade no São Paulo
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

'Quem marcar melhor, ganha o jogo': Diniz orienta atividade no São Paulo

Treino São Paulo
São Paulo treinou sob o forte calor da manhã desta terça-feira no CT (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
LANCE! - 01/10/2019 - 13:04
São Paulo (SP)
Nesta terça-feira, no CT da Barra Funda, o São Paulo treinou pela terceira vez sob o comando de Fernando Diniz. E novamente já foi possível notar o seu estilo desde o primeiro até o último minuto de atividade, que foi aberta aos jornalistas. O técnico e sua comissão promoveram aproximadamente duas horas de trabalho exigindo alta intensidade de todos os atletas em campo.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

O treino teve iniciou sob o comando do preparador físico Wagner Bertelli, que chegou com Diniz ao Tricolor. Intercalando cobranças e elogios, o profissional orientou um circuito de execícios físicos e de troca de passes em velocidade. Após essa etapa, dividiu o grupo entre ataque e defesa.



Primeiro os titulares Tiago Volpi, Juanfran, Bruno Alves, Arboleda, Reinaldo, Luan, Tchê Tchê, Hernanes e Daniel Alves, tentavam sair com a bola desde o goleiro enfrentando marcação adiantada do adversário.O objetivo era sair tocando até passar a linha do meio-campo. Depois os papeis se inverteram, quem tentava a saída de bola passou a marcar adiantado, e quem estava marcando passou a tentar a troca de passes.

E MAIS:
Nesse momento, Alexandre Pato e Gabriel Sara, que estão em tratamento para recuperação de lesão, participaram da atividade aparentemente sem restrições. Terminada essa parte, eles foram ao Reffis para continuar a programação, uma vez que a etapa seguinte exigiria muito mais mais do que essa fase tratamento aguentaria. Ambos não devem enfrentar o Fortaleza, neste sábado.

Já sob o comando de Fernando Diniz, o elenco foi dividido em quatro times de seis jogadores, incluindo o goleiro. As equipes fizeram enfrentamentos em campo reduzido que duravam dois minutos cada, podendo dar no máximo dois toques na bola. A bola sempre saía pelo goleiro aos gritos de "pressiona". Durante todo o trabalho, o treinador exigiu intensidade e marcação forte dos atletas, soltando várias vezes a frase: "Quem marcar melhor, ganha o jogo". 

As equipes foram dispostas da seguinte maneira: 

Branco: Tiago Volpi; Bruno Alves, Juanfran, Hernanes, Daniel Alves e Pablo
Laranja: jean; Reinaldo, Arboleda, Luan, Tchê Tchê e Antony
Rosa: Júnior; Igor Vinicius, Walce, Raniel, Igor Gomes e Hudson
Cinza: Lucas Perri; Liziero, Léo, Vitor Bueno, Anderson Martins e Calazans

A mistura dos times branco e laranja formam os titulares de Diniz: Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Daniel Alves e Hernanes; Antony e Pablo. Foi essa a formação utilizada no treino tático da última segunda-feira. Provavelmente o time que enfrenta o Fortaleza, neste sábado, às 17h, no Pacaembu, pela 23ª rodada do Brasileirão-2019.


Facebook Lance Twitter Lance