São Paulo conta com a volta de Igor Gomes e seus bons números no time
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

São Paulo conta com a volta de Igor Gomes e seus bons números no time

Igor Gomes - São Paulo
Igor Gomes retornou ao clube após defender a Seleção Brasileira no Pré-Olímpico (Foto: Érico Leonan/saopaulofc.net)
LANCE! - 12/02/2020 - 14:23
São Paulo (SP)
O São Paulo tem muito o que comemorar com o fim do Pré-Olímpico. Após a Seleção Brasileira conquistar a vaga nos Jogos de Tóquio, o Tricolor paulista receberá os reforços de Igor Gomes e Antony. Com Igor em campo sob o comando de Fernando Diniz, a equipe tem um aproveitamento melhor do que vem registrando principalmente neste início de temporada.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão clicando aqui

O São Paulo conquistou 60% dos pontos disputados quando teve o meia em campo – sendo titular ou saindo do banco. Desde a chegada de Diniz, em setembro do ano passado, Igor atuou em 15 partidas – oito vitórias, três empates e apenas quatro derrotas.



Já sem Igor, as coisas ficam piores. A partir da chegada de Diniz, o atleta ficou fora de apenas duas partidas no Brasileirão – por opção, no empate em 0 a 0 com o Flamengo, na estreia do treinador, e na derrota por 2 a 0 diante do Fluminense, por estar suspenso por cartões amarelos – e dos jogos deste ano pelo Paulistão - por estar com a Seleção. Sem ele, o aproveitamento do São Paulo cai para 43%: duas vitórias, três empates e duas derrotas.

No total, Diniz conquistou pouco mais da metade dos pontos disputados – 54% de aproveitamento. Foram dez vitórias, seis empates e seis derrotas.

Além dos bons números, o São Paulo tem a comemorar o retorno de Igor Gomes por ser mais uma opção ofensiva para a equipe, uma vez que o ataque não tem conseguido concluir de forma eficaz as jogadas criadas. Nas últimas duas partidas o time paulista apenas empatou com o Novorizontino (1 a 1) e foi derrotado pelo Santo André (2 a 1), em ambos perdendo muitos gols.

Com a volta de Igor Gomes ao time, a esperança é de que o setor de criação tenha ainda mais envolvimento nos jogos, com a bola chegando ao ataque com mais qualidade, possibilitando finalizações mais precisas no ataque Tricolor. Sem contar essa força nos números apresentados acima.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance