Após deixar o São Paulo, Fabinho viaja para fechar com Athletico-PR
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Após deixar o São Paulo, Fabinho viaja para fechar com Athletico-PR

Fabinho - Treino São Paulo
Fabinho fez duas partidas como profissional do São Paulo (Foto: Érico Leonan/saopaulofc.net)
Fellipe Lucena - 03/08/2020 - 21:17
São Paulo (SP)
O atacante Fabinho, cria das categorias de base do São Paulo, viajou nesta segunda-feira para concluir negociação com o Athletico-PR. Ele deverá assinar por três anos com o Furacão.

Fabinho integrou o elenco profissional no primeiro semestre deste ano, mas fez sua estreia na equipe principal no ano passado, em um duelo contra o Internacional. Neste ano, foi utilizado junto com o time reserva contra o Botafogo-SP. Ele é o maior detentor de títulos da era Cotia na base tricolor, com 12 taças.

O jovem de 20 anos ficou sem contrato com o Tricolor no meio desta temporada e não chegou a acordo para renovar. Por ser o clube formador, o São Paulo tem garantido o direito de cobrir qualquer proposta de outra equipe brasileira por ele ao término do primeiro vínculo profissional. Por isso, a expectativa é de que haja um acordo para que o clube não fique sem receber nada, mesmo que a contrapartida seja uma fatia dos direitos de Fabinho.

Ver essa foto no Instagram

Foram sete anos vestindo essa camisa! O São Paulo me formou como jogador, como pessoa...e agradeço a todos os funcionários, comissão e jogadores pelos ensinamentos diários. Tenho certeza que fomos felizes, mas agora é hora de seguir meu próprio caminho. Muito obrigado por tudo, São Paulo! #madeincotia

Uma publicação compartilhada por Fábio Augusto (@fabinho99) em

Um caso parecido aconteceu com Bissoli, outro atacante revelado pelo São Paulo que não chegou a acordo para renovar e agora está na Arena da Baixada. O Tricolor cobriu duas ofertas do Athletico-PR e ele acabou saindo para o Fernando de la Mora, do Paraguai, clube pelo qual não chegou a atuar. Quando ele apareceu no Furacão, a diretoria são-paulina abriu conversas para tentar receber uma indenização sem briga na Justiça.


Facebook Lance Twitter Lance