Sampaoli tenta explicar empate com Fortaleza: 'Muito difícil'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Sampaoli tenta explicar empate com Fortaleza: 'Muito difícil'

Santos x Fortaleza - Sampaoli
Jorge Sampaoli durante o jogo deste domingo (Foto: Ivan Storti/Santos)
LANCE! - 25/08/2019 - 19:09
Santos (SP)
Após abrir três gols de vantagem no primeiro tempo, o Santos viu o Fortaleza reagir e sofreu o empate em 3 a 3 no fim da etapa complementar da partida deste domingo, na Vila Belmiro. Depois do jogo, o técnico Jorge Sampaoli tentou explicar o que aconteceu com o seu time.

> Veja a tabela de classificação do Brasileiro

- Esse tipo de situação não lembro se já vivi. Fizemos um primeiro tempo onde o time foi um dos melhores desde que cheguei. Segundo tempo, o pênalti foi pontual. Depois, passamos a dividir a bola e não ter o controle. Mesmo assim, poderíamos ter ampliado. No final, empataram. Não creio que o Fortaleza tenha merecido o empate - disse Sampaoli em entrevista coletiva após a partida, antes de completar:

- Muito difícil. É óbvio. Gerar uma perspectiva contra um rival que estava dominado. Teria que analisar o que passou friamente. É uma pena não ter ganhando hoje e seguir no primeiro lugar. Sabendo que os rivais ainda vão jogar. Temos que trabalhar, e levantar a moral dos meninos, abatidos.


Durante os últimos 45 minutos de jogo, o Santos continuou atacando o Fortaleza, mas não teve a mesma efetividade do primeiro tempo. Para o argentino, o Peixe tem que admitir seus erros:

- Seguimos jogando o segundo tempo como o primeiro. Fomos buscar. Pênalti veio em uma jogada inesperada, nem Fortaleza esperava. Converteram rápido o gol. Não esperávamos o golpe final, nem o rival. Encontraram dois gols e poderíamos ter feito o quatro várias vezes. É difícil explicar. Temos que assumir, corrigir e trabalhar para melhorar - disse Sampaoli, antes de falar sobre "erros pontuais":

- Estou avaliando como treinador, em alguns momentos do jogo estamos vulneráveis e precisamos corrigir isso. Tivemos intensidade e pressão no campo rival no primeiro tempo e depois chutaram pouco a gol. Quando eu revisar, vou ver erros pontuais. Temos que analisar bem, fico com o primeiro tempo e parte do que fez no segundo tempo, equipe arrojada. Atacamos bem um time fincado atrás. Lamentavelmente, vamos com um resultado angustiante para nós. Foi tanto domínio e superioridade que empatar esse jogo não passava pela minha cabeça, se não teria corrigido. Vi tanta superioridade que imaginei uma vitória para nós - finalizou o treinador.

E MAIS:
Com o empate, o Santos chegou a 33 minutos e se manteve na liderança do Campeonato Brasileiro, mas ainda pode ser ultrapassado até o fim da rodada. O Peixe volta a campo no próximo sábado, às 19h, contra a Chapecoense, na Arena Condá.

Facebook Lance Twitter Lance