Mesmo após quadro hipertensivo, Rollo não se afastará da presidência do Santos; entenda
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Mesmo após quadro hipertensivo, Rollo não se afastará da presidência do Santos; entenda

Orlando Rollo
Rollo esteve na Vila acompanhando a derrota do Santos para o Atlético-GO, nesta quarta (14) (Foto: Divulgação)
Fábio Lázaro* - 16/10/2020 - 06:00
Santos (SP)
O presidente em exercício do Santos, Orlando Rollo, não se afastará do seu cargo como presidente do clube. O mandatário santista foi internado nesta quinta-feira (15), após quadro hipertensivo.

Em nota oficial publicada logo após Rollo passar mal, o Peixe mencionou a necessidade do seu mandatário ficar cinco dias de repouso, o que não significa que o representante máximo do Alvinegro pedirá licença do cargo nesse período.



E MAIS:
Em contato com o LANCE!, Carlo Alba, médico que atendeu Orlando Rollo, explicou a condição do presidente santista e afirmou não haver necessidade médica para que o mandatário do Peixe se ausente do cargo, mas alertou sobre a necessidade em “abaixar a pressão”.

– O presidente Rollo é santista, está vivendo intensamente esses dias de mandato. Não tem dormido, tem comido mal. É um apaixonado e tem vivido na pele os problemas do Santos. Não precisa se afastar, mas necessita de acompanhamento e ser medicado nesses dias. Ele só não pode abdicar da saúde, porque senão nada vai importar – disse Alba à reportagem.

No comando do Santos desde o afastamento de José Carlos Peres, no dia 28 de setembro, alvo de um processo de impeachment devido a irregularidades fiscais, Rollo não tem um vice-presidente instituído formalmente, mesmo tratando o gestor Mário Badures como o seu “primeiro representante na presidência”. Como Peres não está desligado de forma definitiva do cargo máximo do Peixe, Rollo não possui o direito de indicar um vice e, portanto, o próximo na linha sucessória é o presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Teixeira.

* Sob supervisão de Vinícius Perazzini

Facebook Lance Twitter Lance