Quatro anos depois, Weverton lembra convocação que valeu ouro olímpico
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Quatro anos depois, Weverton lembra convocação que valeu ouro olímpico

Weverton Palmeiras
Weverton lembra que estava entre os convocados por Tite para rodada adiada das Eliminatórias (Agência Palmeiras)
LANCE! - 31/07/2020 - 08:00
São Paulo (SP)
Em meio à preparação para disputar a semifinal do Campeonato Paulista, Weverton comemora o aniversário de sua primeira convocação para a Seleção Brasileira. Em 31 de julho de 2016, o hoje goleiro do Palmeiras estava no Athletico-PR e foi chamado para integrar o time que ganharia a inédita medalha de ouro olímpica do futebol masculina, no Rio de Janeiro.

- Eu me lembro dessa primeira convocação como se fosse hoje. Não esperava, e Deus me surpreendeu de uma forma fantástica. Fiquei muito feliz e realizado. Eu vibrava todo dia com minha família - lembrou o atual camisa 1 do Palmeiras, convocado para substituir Fernando Prass, que era titular e já ídolo do Verdão e acabou cortado dias antes da Olimpíada por contusão.


E MAIS:
- Claro que fiquei triste pelo Prass na época, que é um grande atleta e tem história no futebol, mas, por outro lado, o sonho de menino estava se tornando realidade: vestir a camisa mais vitoriosa do mundo - recordou Weverton.

Desde então, apesar de ter ficado fora da Copa do Mundo de 2018 e da Copa América de 2019, o goleiro teve sequência na Seleção Brasileira. Tanto que estava convocado para enfrentar Bolívia e Peru, nas duas primeiras rodadas das Eliminatórias para o Mundial de 2022 - os jogos foram adiados por conta da pandemia do coronavírus, e o torneio deve ser iniciado em setembro.

- Estou feliz e motivado para estar com a Seleção nesses dois jogos. São partidas importantes para iniciarmos bem essa competição e levarmos o Brasil para mais uma Copa do Mundo. Se eu tiver a oportunidade de jogar, estarei preparado - avisou Weverton.

Depois de ser titular na conquista do ouro olímpico, inclusive pegando pênalti na decisão contra a Alemanha, no Maracanã, o goleiro continuou no Athletico-PR até o final de 2017. Chegou ao Palmeiras em 2018, ganhando a vaga de titular no meio do ano e conquistando o título brasileiro. Acumula no clube 106 partidas e atuou todas as 17, sempre como titular, nesta temporada.

Facebook Lance Twitter Lance