Nobre declara apoio à oposição e diz: não pretende mais presidir Palmeiras
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Nobre declara apoio à oposição e diz: não pretende mais presidir Palmeiras

Paulo Nobre
Ex-presidente do Palmeiras manifestou publicamente o seu apoio a Genaro Marino (Foto: Reprodução)
LANCE! - 07/11/2018 - 11:52
São Paulo (SP)
Paulo Nobre utilizou sua conta oficial no Twitter para declarar publicamente seu apoio a Genaro Marino, atual vice-presidente e candidato da oposição à presidência do Palmeiras nas eleições do próximo dia 24. E o mandatário do clube entre 2013 e 2016 ainda avisou que não pretende retornar ao cargo.

- Caros palmeirenses, gostaria muito de agradecer todo carinho e reconhecimento que venho recebendo nos últimos dois anos, me agradecendo e pedindo minha volta, porém voltar a presidir o clube não faz mais parte dos meus planos e gostaria de contar com a compreensão de todos vocês, por favor! - publicou o ex-presidente, apoiando Genaro Marino.


E MAIS:
- Deixo claro: esse apoio politico à chapa 200 do Genaro não é condicionado à minha participação na gestão. Apoio por convergência de ideias e princípios! O presidente eleito tem que ter a liberdade de formar seu time de trabalho e não ficar pagando com cargos os apoios recebidos - disse Nobre, que não tem participado ativamente da vida política no Verdão desde o fim de seu mandato.

- Jamais vou deixar de colaborar com o Palmeiras, sempre que um presidente que eu confie e respeite me peça ajuda, e, por mais que não queira conviver no meu dia a dia com as pessoas que militam na vida politica do clube, não deixarei de me manifestar em todas as situações que julgar necessário!

Em suas declarações pelo Twitter, Paulo Nobre ainda pediu foco do time e da torcida no Campeonato Brasileiro. A seis rodadas do final da competição, o Palmeiras é o líder, com cinco pontos de vantagem para o Inter, segundo colocado, e enfrenta o Atlético-MG neste domingo, em Belo Horizonte.

- Torcedor Palmeirense, por favor não se contagie com a politica do clube, natural em época de eleição presidencial! Foco no Deca que está muito próximo! Porem é importante que os sócios do Palmeiras conheçam as propostas das duas chapas para votarem conscientes o futuro do Palmeiras!

Paulo Nobre apoiou a eleição de Maurício Galiotte, seu vice-presidente, no pleito de dois anos atrás, mas se afastou do atual mandatário por divergências como o apoio à candidatura de Leila Pereira, dona dos patrocinadores Crefisa e Faculdade das Américas, ao Conselho Deliberativo - Leila foi eleita e teve sua presença aprovada em votação do próprio órgão no início do ano passado.

Para ser reeleito no dia 24, o atual presidente conta com o apoio de Leila Pereira e, consequentemente, da maioria do Conselho Deliberativo. Genaro, com uma chapa baseada na gestão de Paulo Nobre, tem também apoio da ala ligada a Mustafá Contursi. Embora tenha perdido força política ultimamente, o mandatário do clube entre 1993 e 2005 segue influente.

A chapa de Galiotte é totalmente diferente em relação à atual: os vice-presidentes serão Paulo Roberto Buosi, Décio Perin, Alexandre Zanotta, José Eduardo Luz Caliari. Genaro Marino, Victor Fruges e José Carlos Tomaselli foram para a oposição, assim como Antonino Jesse Ribeiro, o mais que se afastou da gestão mais recentemente.

A chapa dos oposicionistas é toda de ex-diretores na gestão Paulo Nobre entre 2013 e 2016: José Carlos Tomaselli, Ricardo Galassi, Luis Henrique Fronterotta e Guilherme Gomes Pereira.

Confira a sequência completa de tweets de Paulo Nobre:

Facebook Lance Twitter Lance