Diretor não vê Viña como 1º reforço: 'Valorizamos quem já está aqui'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Diretor não vê Viña como 1º reforço: 'Valorizamos quem já está aqui'

Anderson Barros Palmeiras
Anderson Barros valoriza quem está no elenco, mas admite que ainda busca reforços (Agência Palmeiras/Divulgação)
Thiago Ferri - 11/02/2020 - 12:33
São Paulo (SP)
Ao pegar o microfone para apresentar o lateral-esquerdo Matías Viña, primeira contratação do Palmeiras para a temporada, Anderson Barros afirmou que não pode considerar o uruguaio como primeiro reforço do time. Apesar de dizer que ainda busca nomes pontuais para o elenco, o diretor de futebol ressalta o trabalho de valorizar atletas que já estavam sob contrato, inclusive da base.

- Todos diriam que essa seria a nossa primeira apresentação, mas acho que não. Tudo que temos feitos no Palmeiras nesses últimos dias não nos dá o direito de dizer que é a primeira contratação - afirmou o dirigente.



E MAIS:
- Temos feito um trabalho que todos têm acompanhado, de valorização que aqui estavam, que foram e são campeões, e valorização dos atletas da base. Pontualmente, faríamos movimentos. Deixamos isso claro desde o início. Hoje, damos um passo à frente com a confirmação e a apresentação do Matías Viña - prosseguiu Anderson Barros.

O Verdão abriu espaço no elenco e deixou público que a ideia era, primeiro, avaliar quem já está à disposição de Vanderlei Luxemburgo, incluindo os recém-promovidos das categorias de base, antes de ir ao mercado. Detectou-se uma necessidade na lateral esquerda e chegou Viña. Agora, o colombiano Daniel Muñoz, de 23 anos, lateral-direito do Atlético Nacional chamou atenção e também pode receber uma proposta.

- Com o elenco que temos e a chegada de peças pontuais, poderemos competir de igual para igual, como nos últimos anos. O Palmeiras sempre foi referência e continuará sendo. Esse é o nosso caminho - apostou Anderson Barros.

Veja o vídeo com a declaração do diretor de futebol Anderson Barros:

Facebook Lance Twitter Lance