Alisson, dupla do City... os nomes que ficaram fora e mereciam estar entre os 10 melhores do mundo da Fifa
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Alisson, dupla do City... os nomes que ficaram fora e mereciam estar entre os 10 melhores do mundo da Fifa

Montagem - Sterling, Alisson, Bernardo Silva e Tadic
Sterling, Alisson, Bernardo Silva e TADIĆ foram as ausências mais sentidas no Top 10 da Fifa (Foto: AFP)
LANCE! - 01/08/2019 - 19:37
Rio de Janeiro (RJ)
Na última quarta-feira, a Fifa divulgou os finalistas do 'Fifa The Best 2019', premiação que elege os melhores do mundo no futebol, no período do meio do ano passado a julho deste ano. Entre os jogadores, na lista final que reúne Cristiano Ronaldo (Juventus/Portugal), Lionel Messi (Barcelona/Argentina) , Virgil Van Dijk (Liverpool/Holanda), Matthijs de Ligt (Ajax/Holanda), Frank de Jong (Ajax/Holanda), Sadio Mané (Liverpool/Senegal) e Mohamed Salah (Liverpool/Egito). Kilyan Mbappé (PSG/França), Harry Kane (Tottenham/Inglaterra) e Eden Hazard (Chelsea/Bélgica), algumas ausências são bastante sentidas. O LANCE! separou alguns nomes que ficaram de fora, mas mereciam estar no top 10 da premiação, que acontece 


BERNARDO SILVA
Manchester City/Portugal

Bernardo Silva - Manchester City
Bernardo Silva foi o cérebro do City na temporada (Foto: AFP)
Para estar na lista dos melhores do mundo da Fifa, normalmente é preciso aliar bom desempenho individual a títulos importantes. Isso, foi exatamente o que Bernardo Silva entregou na temporada 2018/2019. Atuando tanto aberto pela direita, como centralizado, o meia-atacante do Manchester City foi o cérebro da equipe na ausência de Kevin De Bruyne - quem sofreu com muitas lesões no último ano. Pelo clube inglês, o português de 24 anos ainda foi Campeão Inglês - numa campanha de incríveis 98 pontos, disputada rodada a rodada contra o Liverpool - e faturou as Copas da Inglaterra e da Liga Inglesa. De "bônus", o jogador foi uma das principais figuras da Seleção Portuguesa na conquista da Liga das Nações. 

ALISSON
Liverpool/Brasil

Comemoração Liverpool - Alisson
Alisson colecionou títulos e prêmios individuais (Foto: Twitter)
Se Bernardo Silva aliou títulos a grandes atuações, Alisson não ficou atrás. O brasileiro foi eleito o melhor goleiro das três principais competições que disputou na temporada: Campeonato Inglês, Liga dos Campeões e Copa América. Além disso, ficou 20 partidas seguidas sem ser vazado na Premier League, terceiro maior período de um goleiro sem sofrer gols na competição.  Motivos que tornam o jogador de 26 anos uma ausência bastante sentida no top 10 da Fifa. 

STERLING
Manchester City/Inglaterra

Sterling - Manchester City
Sterling foi um dos artilheiros e melhores jogadores do Inglês (Foto: AFP)
O talento de Raheem Sterling é incontestável desde que o jogador despontou pelo Liverpool, aos 17 anos. Na última temporada, porém, o camisa 10 da seleção inglesa atingiu um outro nível. Melhor na finalização e nas tomadas de decisão, o atacante contribuiu para o título do Manchester City no Campeonato Inglês com 17 gols, 10 assistências, e foi eleito pela Associação de Jornalistas de Futebol (FWA) o melhor jogador da competição. 

TADIĆ
Ajax/Sérvia

Tadic
Tadić teve a melhor atuação individual da temporada contra o Real Madrid (Foto: AFP)
O sérvio Dusan Tadić foi uma das principais surpresas da temporada europeia. Aos 30 anos, reiventado pelo técnico Ten Hag como um 'falso 9', foi a principal figura nos momentos decisivos do Ajax, que chegou às semifinais da Champions League. Tadić protagonizou a melhor atuação individual da última edição da competição europeia, nas oitavas de final contra o Real Madrid, quando fez duas lindas jogadas para gols e marcou o terceiro da equipe holandesa, que venceu por 4 a 1 no Santiago Benabéu e eliminou os Merengues. 

Em toda a temporada, incluindo as competições nacionais, o camisa 10 do Ajax fez 28 gols, sendo o quarto maior artilheiro da temporada na Europa ao lado de Luuk de Jong, do PSV. 

CATEGORIAS E CRONOLOGIA

FIFA The Best
Os 10 finalistas do 'Fifa The Best' (Foto: Divulgação/FIFA) 
O 'Fifa The Best' ainda elege a melhor jogadora, o melhor técnico(a) do futebol masculino e o melhor técnico(a) do futebol feminino. A votação para definir os três finalistas para as premiações que serão entregues no dia 23 de setembro, em Milão, vai até 19 de agosto e se dividirá em três frentes: o público vota pelo site da Fifa nos seus três preferidos em ordem. O primeiro ganha cinco pontos, o segundo leva três, e o terceiro soma um. O colégio eleitoral também leva em conta, com o mesmo peso, a opinião no mesmo formato de jornalistas de cada país filiado à entidade, técnicos e capitães das seleções nacionais.

No dia 19 de agosto, a entidade que comanda o futebol divulga os três finalistas de cada um das categorias. Além disso, anuncia os candidatos e abre para votação de melhor goleiro, nas categorias masculina e feminina, Prêmio Puskàs e Fan Award, destinado a atuação de torcedores. O período de eleição para o gol mais bonito vai até meia-noite de 1º de setembro. Os três mais escolhidos serão avaliados pelo Fifa Legends, grupo de ícones da história do futebol, o qual indicará o vencedor. 

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance