Vitória tem volume, mas CRB tem eficiência e jogo termina empatado
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Vitória tem volume, mas CRB tem eficiência e jogo termina empatado

Vitória x CRB
Foto: Reprodução/SporTV
Futebol Latino - 12/11/2019 - 22:13
Salvador (BA)
Jogando na cidade de Salvador, Vitória e CRB fizeram um jogo de posturas frontalmente opostas e que acabaram se anulando no confronto da 35ª Rodada do Campeonato Brasileiro da Série B empatando em 2 a 2. Com isso, o time alagoano vai a 51 unidades e fica em sexto lugar enquanto o Leão da Barra tem 43 unidades em 13° colocado.


A MÁXIMA É VELHA, MAS AINDA VALE



-->
O time baiano foi quem começou com a posse de bola e a criação das jogadas mais agudas até então, usando as laterais do campo para tentar desorganizar a defesa adversária. Enquanto isso, os alagoanos tinham dificuldade até mesmo para reter a posse e pareciam mais próximos de sofrer o primeiro tento do que o contrário. Todavia, aos 12 minutos, na primeira oportunidade que o Galo da Praia teve de sair em velocidade Elton Arábia apareceu com liberdade na altura da meia-lua e bateu colocado no extremo canto esquerdo de Martín Rodríguez e viu a bola tocar na trave antes de entrar. 

SÓ DÁ LEÃO

Na sequência da primeira etapa, o que se viu foi uma mera continuação do que já acontecia na partida com o adendo de que nas bolas paradas era onde o Rubro-Negro de Salvador conseguia colocar em maior dificuldade o time de Maceió. Apesar da força demonstrada no jogo pelo alto, a oportunidade mais aguda da etapa inicial veio em bola retomada da zaga do CRB onde Wesley ficou cara a cara com Edson Mardden e, na batida de pé esquerdo, o goleiro do time visitante espalmou no reflexo mandando por sobre o travessão.

AFUNDA, GEDOZ!

Aos 13 minutos, depois de muito rondar a grande área adversária e abusar dos erros principalmente nas finalizações, coube ao meia Felipe Gedoz deixar tudo igual no Barradão. Após cruzamento cortado de maneira parcial pela zaga do CRB, o camisa 10 do Leão encheu o pé, acertando um petardo com o peito do pé que foi rapidamente pro canto de Mardden. Tudo igual em Salvador.

MARCOU E RESPEITOU

Logo na oportunidade seguinte formulada pelo ataque do time alagoano, Léo Ceará tocou pra Alisson Farias que devolveu na medida para o camisa 9 tocar na saída de Martín Rodríguez. Rede balançando na casa do adversário e festa do contingente de torcedores do Regatiano, mas o gesto do atacante foi de levantar as mãos para o alto sinalizando que não comemoraria o gol em sinal de respeito ao torcedor do Vitória.

VIVO NO JOGO, MAS...

Tentando se manter frio diante de uma partida onde pressionava mais, porém via o adversário ser mais letal, a bola parada finalmente teve efeito prático no marcador em forma favorável aos donos da casa. Com 25 minutos, Felipe Gedoz cobrou falta e Victor Ramos interceptou a bola com o braço, penalidade marcada e, como o zagueiro do CRB já tinha amarelo, recebeu a segunda advertência que lhe rendeu a expulsão. Na cobrança do pênalti, Thiago Carleto foi convicto e bateu firme, quase no meio do gol, estufando as redes e deixando tudo igual na capital baiana novamente. 

Apesar dos esforços feitos de maneira ininterrupta feita pelos jogadores do Rubro-Negro, o CRB resistiu como pode no plano defensivo e ainda levou muito perigo em falta da meia-lua cobrada por Daniel Borges onde Martín Rodríguez fez uma defesa de vital importância.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance