Em confronto com pênalti polêmico, Botafogo vence o Atlético-MG
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
ESCUDO BOTAFOGO
2
-
1
Atlético-MG escudo

Em confronto com pênalti polêmico, Botafogo vence o Atlético-MG

  •  Botafogo x Atlético-MG - Diego Souza comemora seu gol
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Divulgação/Botafogo
  •  Botafogo x Atlético-MG - Cícero
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Vitor Silva/Botafogo
  •  Botafogo x Atlético-MG
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Divulgação/Botafogo
  •  Botafogo x Atlético-MG
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Bruno Cantini / Atlético
  •  Botafogo x Atlético-MG
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Divulgação/Atlético-MG
  •  Botafogo x Atletico MG
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Divulgação
  •  Botafogo x Atlético-MG - Alex Santana comemora seu gol
    Veja imagens de Botafogo 2 x 1 Atlético-MG Vitor Silva/Botafogo
Gabriel Rodrigues - 08/09/2019 - 18:12
Rio de Janeiro (RJ)
Em confronto na primeira parta da tabela do Brasileiro, o Botafogo levou a melhor sobre o Atlético-MG, na tarde deste domingo, no Nilton Santos. Em confronto com pênalti polêmico, o Glorioso venceu por 2 a 1, com gols de  Diego Souza e Alex Santana. Di Santo descontou para o Galo. Com a vitória, os donos casa chegaram aos 26 pontos, enquanto os visitantes pararam nos 27.

> CONFIRA A TABELA DO BRASILEIRO

Na próxima rodada, no sábado, o Botafogo visita o Ceará, às 21h, no Castelão. No dia seguinte, às 11h, o Atlético-MG recebe o Internacional. 

Começo equilibrado
Botafogo e Atlético-MG começaram o jogo no Nilton Santos de forma equilibrado. Tão iguais que nenhuma das duas equipes conseguiu chegar perto do gol adversário com qualidade. A primeira chance clara de gol só aconteceu aos 25 do primeiro tempo, com Ricardo Oliveira, de cabeça. Cavalieri salvou com a ponta dos dedos. Pouco depois, Marcinho, num chute de fora da área, levou perigo ao gol de Wilson.



Botafogo marca em lance confuso
Num jogo de poucas emoções, o Botafogo contou com a bola parada para marcar. Aos 38, Alex Santana avançou pelo meio e foi derrubado na entrada da área por Igor Rabello, que recebeu amarelo. Na cobrança de Gilson, a bola desviou no braço do próprio zagueiro atleticano dentro da área, mas o jogo seguiu e a resultou num lance de ataque do Galo, parado por falta de Marcelo. Mas, após consulta ao VAR, o árbitro Braulio da Silva Machado voltou e marcou o toque no braço de Rabello, que recebeu o segundo amarelo a Rabello e foi expulso. Na cobrança do pênalti, Diego Souza bateu no canto superior direito e guardou.

Voltou animado
Mesmo com um jogador a menos e sem o centroavante Ricardo Oliveira, sacrificado após a expulsão de Rabello, o Atlético voltou melhor após o intervalo. O Botafogo até chegou com perigo no gol de Wilson, mas quem controlou melhor as ações da partida foi o Galo. Cazares, numa cobrança de falta, e Leonardo Silva, em uma cabeçada na trave, quase marcaram para o time visitante.

Artilheiro marca
Quando o jogo se mostrava perigoso para o Botafogo, Alex Santana apareceu para definir o jogo para os donos da casa, mais uma vez. Após o sofrer a falta que acabou gerando o pênalti convertido por Diego Souza, o camisa 10 do Glorioso recebeu um belo passe de Valencia em contra-ataque e finalizou com muita qualidade na saída de Wilson. Foi o seu quinto gol no Brasileiro.

Galo desconta em jogo morno
Com um a mais e dois gols de vantagem no placar, o Botafogo recuou e viu o Atlético crescer na partida, mesmo em um jogo com pouca qualidade técnica. Desse jeito, o Galo conseguiu descontar aos 47, após Leo Silva cruzar, a bola passar por toda a área e Di Santo aparecer sozinho para mandar para o gol. Mas foi só isso. Depois de três jogos, o Botafogo conseguiu segurar a vitória.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X  1 ATLÉTICO-MG

 
Local: Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 08/09/2019, às 16h (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa/SC) - Nota LANCE!: 5,5 - Errou na marcação do pênalti para o Botafogo.
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (Fifa/SC) e Henrique Neu Ribeiro (SC)
VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Público/Renda: 10.678 pagantes/R$ 213.474,00
Gramado: Bom.
Cartão amarelo: Carli, Fernando, Marcelo e Luiz Fernando (BOT), Rever e Igor Rabello e Fábio Santos (CAM)
Cartão vermelho: Igor Rabello (CAM)

GOLS: Diego Souza, 44’, 1ºT (1-0); Alex Santana, 20’/2ºT (2-0); Di Santo, 47’/2ºT (2-1)

BOTAFOGO: Diego Cavalieri; Fernando (Gustavo Bochecha, 14’/2ºT), Carli, Marcelo e Gilson; Cícero, João Paulo (Leo Valencia, 13’/2ºT), Alex Santana e Marcinho; Luiz Fernando e Diego Souza (Vinícius Tanque, 32’/2ºT). Técnico: Eduardo Barroca

ATLÉTICO-MG: Wilson; Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Jair (José Welison, 33’/1ºT), Elias, Vinícius e Cazares; Chará (Di Santo, 32’/2ºT) e Ricardo Oliveira (Leonardo Silva, 44’/1ºT). Técnico: Rodrigo Santana.


Facebook Lance Twitter Lance