Marcelo admite crise de ansiedade antes de final contra o Liverpool
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Marcelo admite crise de ansiedade antes de final contra o Liverpool

Marcelo e Salah - Real Madrid x Liverpool
Marcelo marcando Salah durante a decisão em Kiev (Foto: AFP)
LANCE! - 31/10/2019 - 11:25
Madrid (ESP)
Um ano e meio depois de conquistar seu quarto título de Liga dos Campeões, o lateral-esquerdo Marcelo admitiu ter tido crises de ansiedade antes da decisão contra o Liverpool. Ao 'Players Tribune', o brasileiro afirmou que sentiu falta de ar e um nervosismo fora do normal no vestiário do Estádio Olímpico de Kiev, palco da decisão da Champions 2017/2018.


- Eu não conseguia respirar. Tentava não entrar em pânico. Isso aconteceu no vestiário pouco antes final da Champions League contra o Liverpool em 2018. 
Era como se tivesse uma coisa presa no meu peito. Uma pressão monstruosa. (...) Tudo começou na noite anterior à final. Não conseguia comer. Não conseguia dormir. Só pensava no jogo. Para mim, a pressão foi mais intensa antes da final contra o Liverpool. Talvez as pessoas achem isso estranho. Nós já tínhamos conquistado duas Champions League seguidas. E todo mundo queria que o Liverpool fosse o campeão. Quando finalmente pisei no gramado, eu ainda estava com alguma dificuldade de respirar, e daí pensei no seguinte: se eu tiver que morrer no gramado hoje, f***-se, vou morrer - destacou o brasileiro, antes de falar de uma declaração de um ex-jogador do Real que o influenciou na partida.

- A poucos dias daquela final, um ex-jogador do Real Madrid tinha dito algo sobre mim na TV que ficou impregnado na minha cabeça. Perguntaram o que ele achava sobre aquela decisão, ele respondeu: “Acho que o Marcelo deveria comprar um pôster do Salah, colocar na parede, e rezar todas as noites”. Depois de 12 anos e 3 conquistas da Champions League, ele me desrespeitava desse jeito, ao vivo, na TV. Esse comentário foi feito para me derrubar. Mas acabou me motivando muito - lembrou.

PAPO COM CRISTIANO RONALDO
Marcelo relembrou uma conversa que teve com o craque português antes da decisão contra a Juventus, quando o Real Madrid bateu o time italiano por 4 a 1 e conquistou a 12ª Champions League.

- Quando nos levantamos para ir para o estádio, Cristiano nos disse exatamente o que iria acontecer. Ele falou: 'No começo, vai ser difícil. No segundo tempo, nós vamos ganhar com tranquilidade'. Eu nunca vou me esquecer disso. Ele previu o que ia acontecer. Então, ele disse: 'Vamos deitar, mané. Vamos deitar, mané'. E nós deitamos, cara. Eu tenho essa imagem da cara dele na minha mente. Está para sempre gravada - disse.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance