Maldini critica ausências de CR7 e Messi em premiação: 'Uma pena'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Maldini critica ausências de CR7 e Messi em premiação: 'Uma pena'

Paolo Maldini - Milan - 1985 a 2009
Maldini conquistou cinco títulos da Liga dos Campeões com o Milan (Foto: Carlo Baroncini/AFP)
LANCE! - 25/09/2018 - 10:19
Zurique (SUI)
Modric foi eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa, nesta segunda-feira e venceu na disputa Cristiano Ronaldo e Salah. O egípcio estava presente na premiação, enquanto Cristiano Ronaldo não prestigiou o evento, assim como Messi. O ex-jogador e lenda do futebol italiano, o zagueiro Paolo Maldini criticou a ausência dos dois craques.

- É uma pena que não venha Cristiano Ronaldo, assim como Messi. É um prêmio um importante quando se vence e quando não se vence - disse Paolo Maldini, ao 'Marca'

Motivos das ausências
Cristiano Ronaldo alegou que não participou da cerimônia por causa do calendário, por ter participado da vitória da Juve, no último domingo, sobre o Frosinone e por ter que jogar na quarta-feira, contra o Bologna. Messi, por sua vez, alegou questões familiares.

Recorrente
Não foi a primeira vez que Cristiano Ronaldo não vai a uma premiação, neste ano. O português também não participou da premiação dos melhores jogadores escolhidos pela Uefa. Coincidentemente, CR7 não foi eleito o melhor nas duas premiações e Modric ficou com o prêmio.

Antes mesmo da premiação da Fifa ocorrer a mídia europeia já especulava que CR7 não iria no prêmio, o que aumentou os rumores de uma possível vitória de Modric, que veio a acontecer.

Um dos maiores zagueiros da história
Paolo Maldini defendeu o Milan por 24 anos (1985-2009) e participou, ao todo, de 901 partidas, marcou 33 gols e deu 11 assistências. Conquistou cinco títulos da Liga dos Campeões e sete títulos do Campeonato Italiano. Pela seleção italiana, foi capitão e participou de quatro Copas do Mundo.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance