Com grande atuação de Lucas, Tottenham goleia Roma
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Com grande atuação de Lucas, Tottenham goleia Roma

Lucas - Tottenham x Roma
Brasileiro teve atuação de destaque (Foto: Frederic J. Brown/AFP)
LANCE! - 26/07/2018 - 09:09
O torneio preparatório International Champions Cup segue mostrando grandes jogos. Nesta quarta-feira (madrugada de quinta no Brasil), nos Estados Unidos, o Tottenham goleou a Roma, de virada, por 4 a 1, com grande atuação do brasileiro Lucas Moura, que marcou dois gols. Substituindo Harry Kane, Llorente fez os outros dois gols dos Spurs. Schick descontou para a Roma. Na outra partida, Manchester United e Milan empataram em 1 a 1, com gols de Alexis Sánchez e Suso (Milan). Na decisão por pênaltis, vitória de 9 a 8 para os ingleses.

Reservas dão conta do recado
O Tottenham entrou com uma formação alternativa, sem muitos de seus titulares, ainda de férias por conta da Copa do Mundo. Com isso, nomes como Harry Kane, Dele Alli e o campeão mundial Lloris ficaram de fora da partida. Fernando Llorente substituiu a altura o atacante inglês Kane, marcou dois gols e teve ótima participação, mostrando que pode ser uma boa opção no decorrer da temporada para Maurício Pocchetino.

Lucas, enfim, brilha
A boa notícia ficou por conta da atuação de Lucas Moura. Contratado junto ao PSG na temporada passada, o meia não conseguiu mostrar o bom futebol que o levou para a Europa na Inglaterra e amargou, por boa parte da temporada, o banco de reservas. No primeiro jogo oficial da nova temporada, Lucas marcou dois gols e teve atuação certeira.

O seu primeiro gol demonstrou oportunismo, ao infiltrar a área adversária e escorar, de cabeça, o cruzamento de Aurier. O segundo gol, pegou o rebote de fora da área, limpou o marcador da jogada e chutou certeiro, rasteiro, no canto do goleiro para sacramentar a vitória.

Falta de criatividade romana
Pelo lado italiano, a estreia não foi a das melhores. Principal contratação do clube na temporada, Javier Pastore teve atuação discreta, apesar de ter sido dele a assistência para o primeiro (e único) gol da Roma, marcado por Schick. Em jogo de muitas alterações, o holandês Justin Kluivert fez a sua estreia, entrando na partida aos sete minutos do segundo tempo, mas não conseguiu fazer muito na partida.


United reserva
Milan e Manchester United fizeram um jogo morno no tempo regulamentar, mas que esquentou na disputa de pênaltis. Após Mourinho falar, em entrevista coletiva antes do jogo, que o clube inglês não estava no mesmo nível das demais equipes da Premier League, o United entrou em campo com uma formação bastante alternativa, que incluía o veterano goleiro Lee Grant, contratado junto ao Stoke City.

O meio campo foi composto de reservas, com McTominay, Tuanzebe, Pereira e Herrera. No ataque, força total: Sánchez e Juan Mata. Foi do chileno o primeiro gol do United na temporada. Após jogada trabalhada e receber bom passe de Juan Mata, o atacante bateu bonito, colocado, na saída de Donnarumma.

Jovem Milan
O Milan entrou em campo com seus jovens jogadores, que buscam renovar o futebol da equipe italiana. O técnico Genarro Gattuso costuma botar os jovens para jogar. Locatelli, Cutrone e Suso estiveram em campo. Na zaga, a experiência de Bonucci e Abate.

O gol de empate saiu de uma boa jogada. Depois de um belo lançamento de Bonucci, Suso infiltrou na área e bateu na saída do goleiro. A partir de então, os times pouco se agrediram, com uma leve superioridade do Manchester United, que acertou 10 chutes na meta de Donnarumma, contra cinco do adversário.

Entusiasmo nas penalidades
A disputa de pênaltis, porém, foi o ponto alto da partida. 17 cobranças foram efetuadas e o United acertou nove, contra oito do Milan. Borini, Suso, Romagnoli e Mauri erraram para a equipe italiana, enquanto Bailly, Pereira e McTominay desperdiçaram para o United. Pereira, Herrera, Sánchez, Smalling, Tuanzabe, Mensah e Darmian acertaram suas cobranças e garantiram a vitória para a equipe de José Mourinho.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance