Buffon elogia Mbappé: 'Pode ser grande como Pelé e Maradona'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Buffon elogia Mbappé: 'Pode ser grande como Pelé e Maradona'

Buffon PSG
Aos 40 anos, Buffon demorou um mês para conquistar seu primeiro título com o PSG (Foto: Reprodução)
LANCE! - 07/08/2018 - 11:57
Paris (França)
Buffon levou apenas um mês de PSG para acrescentar mais um título a sua extensa lista de conquistas. No último sábado, a vitória sobre o Monaco garantiu o título da Supercopa da França para a lenda italiana. Em entrevista à revista do PSG, o goleiro traçou uma análise sobre o potencial do clube parisiense e o porque de não conseguir, ainda, se estabelecer decisivo em momentos importantes. Gigi também elogiou seus companheiros de equipe, principalmente Mbappé.

- Mbappé tem algo especial. Tem algo a mais do que os outros. Espero que permaneça humilde e mantenha a vontade de se sacrificar e progredir. Se ele se manter focado, pode se tornar um dos grandes, como foi Pelé, Maradona, Ronaldo, Messi. Estou feliz de poder jogar com ele e ajuda-lo - elogiou o goleiro italiano

A decisão de sair da Juventus, após 16 anos de clube, surpreendeu o mundo do futebol. O italiano virou sinônimo de goleiro da Vecchia Signora, mas preferiu dar um novo passo em sua já longa carreira. Aos 40 anos, Buffon escolheu o PSG e disse que conversou com jogadores italianos importantes da história do clube para tomar essa decisão.

- Nos últimos três anos tenho acompanhado de perto o PSG. Falei sobre isso com meus amigos, tais como Verratti e Sirigu (ex-goleiro do clube) e queria entender o porque de uma equipe tão forte não conseguir dar o salto necessário em momentos importantes - revelou Buffon

Apesar de ter altos investimentos e um sólido projeto para se tornar um clube global, o principal torneio para se estabelecer como protagonista na Europa é a conquista da Champions League. O clube ainda não conseguiu tal feito, segue batendo na trave e colecionando eliminações. Na última oportunidade, foi eliminado pelo Real Madrid, nas oitavas de final. Buffon explicou porque o PSG não consegue decidir na hora que tem que decidir, mas disse que o clube está no caminho certo

- O PSG se tornou uma grande equipe apenas nos últimos seis anos, por isso leva tempo. Mas com uma identidade forte, um grupo, bom vestiário e treinador, o tempo para se ganhar pode ser reduzido. Acho que ainda sou competitivo e posso ajudar meus novos companheiros - valorizou o goleiro

Por fim, elogiou o seu colega de profissão e concorrente, o goleiro Alphonse Areola. Além do francês, o PSG conta com o alemão Trapp, para a posição. O PSG, acostumado a grandes contratações, nunca conseguiu firmar, de fato, um goleiro de renome desde que se tornou bilionário. Agora, está muito bem servido. Buffon comparou Areola ao seu compatriota Donnarumma, do Milan.

- Alphonse é um grande goleiro. Me lembra o Donnarumma, por conta da sua potência física e explosão. Tem um grande futuro pela frente - finalizou o goleiro

Facebook Lance Twitter Lance