Brasileiro celebra primeiro gol com a camisa do Nagoya Grampus no Japão
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Brasileiro celebra primeiro gol com a camisa do Nagoya Grampus no Japão

Mateus Castro
Mateus Castro marcou na vitória do Nagoa Grampus no Campeonato Japonês (Divulgação)
LANCE! - 15/05/2019 - 13:23
Nagoya (JAP)
Reforço do Nagoya Grampus para essa temporada de 2019, o atacante Mateus Castro comemorou seu primeiro gol com a camisa do clube na vitória do time sobre o Urawa Red por 2 a 0 no último domingo (12), em confronto válido pela 11ª rodada da J-League. O brasileiro falou sobre a sensação de ter anotado o primeiro tento com a camisa do time.

- Foi incrível. Venho treinando forte todos os dias e graças a Deus pude ajudar meu time a vencer a partida. Espero conseguir manter esse bom nível nos próximos jogos e continuar contribuindo para que venham mais vitórias - disse o brasileiro, que aproveitou para comentar sobre o bom momento vivido pela equipe, que ocupa a segunda posição na tabela, com 23 pontos em 11 partidas.

- Sem dúvidas atribuo essa grande fase ao trabalho desenvolvido pelo nosso treinador e pela entrega diária do grupo no dia a dia. Somos um time muito unido e focado. Pensamos sempre no nosso próximo adversário e como podemos superá-lo - emendou o jogador de 24 anos, que atua ao lado de atletas como Jô, Gabriel Xavier e João Schmidt.

E MAIS:
No Brasil, Mateus passou pela base do Cruzeiro e Bahia, clube ao qual chegou a disputar partidas pela equipe profissional. O jogador de 24 anos chegou em 2014 ao Omiya Ardija do Japão, e passou cinco temporadas no clube. Após se destacar no time japonês, Mateus foi contratado pelo Nagoya Grampus. O atleta contou mais sobre sua chegada no clube e sua convivência com os outros brasileiro do elenco.

- Minha adaptação aqui está sendo tranquila. Estou acostumado ao futebol japonês e me sinto adaptado a cultura do país. O grupo aqui do Nagoya me recebeu muito bem também. É um clube muito grande que nos dá todas as condições necessárias para praticarmos o nosso melhor futebol. O fato de estar no mesmo grupo que os brasileiros Jô, Schmidt e Gabriel também ajuda muito. São grandes profissionais e ótimas pessoas também. Sinto que temos um elenco muito forte e vamos evoluir muito na competição - encerrou o atacante.

Facebook Lance Twitter Lance