Borussia sofre empate no fim, mas consegue avançar às quartas de final da Champions League
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
Borussia Dortmund - escudo
2
 
-
 
2
Escudo do Sevilla

Borussia sofre empate no fim, mas consegue avançar às quartas de final da Champions League

Dortmund x Sevilla
Graças a Haaland, Borussia faz 5 x 4 no agregado e avança para as quartas de final da Champions League. (Foto: AFP)
LANCE! - 09/03/2021 - 18:16
Dortmund (ALE)
Nesta terça-feira, o Borussia Dortmund recebeu o Sevilla no Signal Iduna Park, pelo jogo de volta das oitavas de final da Champions League. Em partida emocionante, os alemães chegaram a abrir 2 x 0, com dois gols de Haaland, no entanto, viram En-Nesyri também marcar duas vezes para alcançar o empate. Porém, com a vitória por 3 a 2 no jogo da ida, o Dortmund conseguiu a classificação para as quartas de final mesmo sem vencer o Sevilla em casa.

> Confira os outros confrontos das oitavas da Champions League


PRESSÃO DO SEVILLA
Muito atento ao jogo e com as linhas altas, o Sevilla sufocou os mandantes no começo da partida e dominava todas as ações. Assim, depois de vários cruzamentos na área sem êxito, Lucas Ocampos fez linda jogada, dando chapéu em Morey e botando entre as pernas de Can, para servir Suso que pegou em baixo e desperdiçou a melhor chance dos espanhóis na primeira etapa.

BRILHA, HAALAND!
O Borussia parecia assustado em campo e mal ameaçava o Sevilla. No entanto, na primeira chegada ao ataque, o zagueiro Koundé se atrapalhou com Jordán e Schulz conseguiu o desarme. Dessa forma, o lateral rolou para Dahoud que lançou em profundidade Reus. O alemão foi rápido, ganhou do goleiro na velocidade e tocou no meio para Haaland, livre, completar para o gol. 

SEGUNDO TEMPO AGITADO
O segundo tempo começou com uma sequência impressionante. O atacante Haaland chegou a marcar mais um, no entanto, o VAR anulou por falta do jogador em Koundé. Porém, na mesma chamada do VAR, a arbitragem observou que Koundé havia puxado a camisa de Haaland instantes antes do lance do gol. Assim o pênalti foi marcado: o norueguês bateu, viu Bono defender, mas a arbitragem mandou voltar, uma vez que o goleiro não estava com os pés na linha. Em seguida, Haaland bateu bem e fez seu 10º na competição. 

SEVILLA RESPIRA
Após sofrer o segundo gol, o Sevilla foi para o tudo ou nada. Com isso, aos 23 minutos da etapa final, Emre Can foi ingênuo e empurrou Luuk de Jong na área. Dessa vez, a arbitragem foi definitiva, marcou a penalidade e En-Nesyri acabou com o jejum que durava desde de fevereiro após bater bem e diminuir o placar.

ÚLTIMO SUSPIRO
Já no último minuto dos acréscimos, o Sevilla conseguiu o gol do empate. A pressão que já durava desde a metade do segundo tempo, deu certo após boa trama na direita. Assim, Rakitic - que havia acabado de entrar - cruzou na medida para En-Nesyri cabecear forte e marcar seu segundo no jogo. Contudo, não houve tempo para uma reação heroica e a vaga ficou com o Dortmund.

SEQUÊNCIA
No próximo sábado, o Borussia Dortmund enfrenta, às 14h30 (horário de Brasília), o Hertha Berlin pela 25ª rodada da Bundesliga. O Sevilla, por sua vez, joga contra o Betis no próximo domingo, às 17h (de Brasília), pela 27ª rodada da La Liga.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance