Barcelona bate o Leganés e volta a abrir margem na ponta do Espanhol
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Barcelona bate o Leganés e volta a abrir margem na ponta do Espanhol

Dembélé e Suárez - Barcelona x Leganés
Dembélé e Suárez: autores dos dois primeiros gols do Barcelona (Foto: Josep Lago / AFP)
LANCE! - 20/01/2019 - 19:40
Barcelona (ESP)
O Barcelona segue líder isolado do Campeonato Espanhol. Neste domingo, no Camp Nou, os catalães venceram o Leganés por 3 a 1, gols de Dembélé, Suárez e Messi, com Braithwaite descontando. O argentino começou no banco e teve ser acionado quando o adversário empatou na segunda etapa.

O triunfo deixa o Barcelona com 46 pontos, novamente cinco a mais que o Atlético de Madrid. Em terceiro está o Real, com 36. O Leganés segue com 22, na 14ª colocação.

Ernesto Valverde poupou Lionel Messi e Ivan Rakitic, que ficaram no banco de reservas. Lenglet não foi relacionado. Para o lugar do trio, o treinador mandou a campo Coutinho, Aleñá e Vermaelen, respectivamente.

E MAIS:
O Barcelona sentiu muito a falta de Lionel Messi para organizar as ações ofensivas no primeiro tempo. Dembélé se movimentava bem no ataque, mas faltava alguém para a triangulação. O Leganés se retraía, mas tinha em Braithwaite o seu jogador mais perigoso.

Aos poucos, o Barcelona foi se acertando em campo, ganhando mais terreno. Coutinho ainda estava apagado, mas Dembélé se destacava. Aos 31 minutos, o francês recebeu cruzamento de Alba e bateu de primeira. A bola ainda pegou na trave de Cuéllar antes de entrar.

Logo depois, Suárez caiu na área em lance com o goleiro e pediu pênalti, mas o juiz mandou seguir o lance. No apagar das luzes, outra boa jogada de Dembélé, que tocou para Coutinho pegar mal na bola.

Messi e Suárez - Barcelona x Leganés
Messi comemora o gol de Suárez (Foto: Josep Lago / AFP)
O jogo seguiu sonolento no segundo tempo. Coutinho chegou a arrematar por cima após novo passe de Dembélé. Mas quem apareceu com precisão foi o Leganés. En-Nesyri recebeu nas costas de Alba e cruzou. A bola passou pela defesa do Barcelona, mas não por Braithwaite, que bateu na pequena área para empatar.

A igualdade do Leganés fez Valverde colocar o Barcelona para o ataque, lançando Messi e Rakitic nos lugares de Arthur e Aleñá. As substituições surtiram efeito imediato. Em sete minutos, o camisa 10 finalizou firme. O goleiro Cuéllar fez bela defesa, mas Suárez pegou o rebote e recolocou a equipe em vantagem.

As chances de gol, que eram escassas nos primeiros 45 minutos, passaram a aparecer com frequência. Malcom também ganhou chance de Valverde e foi a campo. Nos acréscimos, saiu o gol do craque. Em boa tabela com Alba, Messi recebeu na área e finalizou forte, de direita, para vencer Cuéllar.

Facebook Lance Twitter Lance