Após perder invencibilidade, líder Dortmund recebe segundo colocado
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Após perder invencibilidade, líder Dortmund recebe segundo colocado

Jadon Sancho - Borussia Dortmund
Reus e Sancho são um dos dos destaques do Borussia Dortmund (Foto: Reprodução L!TV) 
LANCE! - 20/12/2018 - 13:55
Dortmund (ALE)
O Borussia Dortmund faz uma partida importante, nesta sexta-feira, que pode servir para consolidar o clube ainda mais na primeira colocação do Campeonato Alemão. O rival da vez é o Borussia Monchengladbach, atual vice-líder, com 33 pontos. O Dortmund lidera com 39 pontos e aposta no trio Reus, Alcácer e Sancho para buscar os três pontos. Além disso, o líder conta com um velho conhecido do rival: o atual treinador Lucien Favre comandou o Gladbach, de 2011 a 2015.

Os destaques
A partida é importante também para a confiança do Dortmund. A equipe perdeu pela primeira vez na Bundesliga, na última terça-feira, para o Nuremberg, por 2 a 1. A derrota encerrou a invencibilidade de 15 jogos do clube na competição. As principais apostas do Dortmund são, sem dúvidas, os atacantes Marco Reus, Paco Alcácer e a revelação inglesa Jadon Sancho. Juntos, o trio já marcou 29 gols.


Bom momento do rival
Pelo lado do Gladbach, os principais destaques são os atacantes Thorgan Hazard e Plea, além do meia Hoffman, que juntos, marcaram 30 gols. A equipe, porém, conta com sete desfalques: os zagueiros Ginter, Jantschke e Doucouré, o volante Kramer e os atacantes Raffael, Stindl e Villalba. O clube vem de uma vitória, por 2 a 0, contra o Nuremberg.

Espião suíço
As duas equipes dividem um ponto em comum: Lucien Favre, atual treinador do Dortmund, já comandou o Gladbach. Pelo atual rival, foram 189 partidas, com 89 vitórias, 45 empates e 55 derrotas. O suíço conhece bem o adversário e fez questão de valorizar momento do Gladbach.

- O Gladbach está jogando uma temporada muito boa. Eles venceram o Bayern, em Munique, por 3 a 0 e isso significa muito. Temos que ser mais pacientes e tornar o jogo mais amplo, não podemos jogar com pressa. Precisamos analisar o que podemos melhorar, até taticamente - disse Favre, em coletiva

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance