Declaração de Edmundo sobre 'time de assassino' repercute na web
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Declaração de Edmundo sobre 'time de assassino' repercute na web

Edmundo - Fox Sports
(Foto: Reprodução)
LANCE! - 04/02/2020 - 10:47
Rio de Janeiro (RJ)
O ex-jogador Edmundo virou um dos assuntos mais comentados no Twitter, na manhã desta terça-feira, por conta de um comentário sobre o cântico de "time de assassino". Durante o programa "Expediente Futebol", do canal Fox Sports, o comentarista criticou a postura de quem tenta abafar o acidente no Ninho do Urubu, em fevereiro de 2019, que matou dez atletas da base do Flamengo. 

- Passei 24 anos de linchamento público. A torcida (do Flamengo) me chama de assassino toda vez que me vê, mas não puderam ser chamados (de assassinos) na quarta-feira pela torcida do Fluminense. É um absurdo. Um atleta pode ser humilhado, mas uma instituição não pode - criticou Edmundo, que relembrou o acidente sofrido em 1995, onde teve três vítimas. 

Após o clássico entre Flamengo e Fluminense, no último dia 29 de janeiro, pelo Campeonato Carioca, os tricolores cantaram "time de assassino" após o apito final. O presidente Mário Bittencourt, no entanto, reprovou a atitude da torcida e fez um apelo durante coletiva para os tricolores não repetirem o cântico. 


E MAIS:
Fluminense denunciado pelo TJD-RJ

O TJD-RJ denunciou o Fluminense na última segunda-feira pelos gritos de "time de assassino". O clube foi enquadrado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por "praticar ato discriminatório, desdenhoso ou ultrajante, relacionado a preconceito em razão de origem étnica, raça, sexo, cor, idade, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência."

Líder do Grupo B da Taça Guanabara com 12 pontos, o Fluminense corre risco de perder três pontos por conta dos gritos da torcida. O Código Brasileiro de Justiça Desportiva diz que "caso a infração prevista neste artigo seja praticada simultaneamente por considerável número de pessoas vinculadas a uma mesma entidade de prática desportiva, esta também será punida com a perda do numero de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição, independentemente do resultado da partida".

Confira a repercussão da declaração de Edmundo:

Facebook Lance Twitter Lance