Presidente do Vasco discute sobre uso de máscara em programa do SporTV
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Presidente do Vasco discute sobre uso de máscara em programa do SporTV

Alexandre Campello
Campello foi alvo de polêmica nesta semana por conta de reunião com Presidente da República (Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
LANCE! - 21/05/2020 - 09:18
Rio de Janeiro (RJ)
O presidente do Vasco, Alexandre Campello, foi centro de polêmica no programa “Troca de Passes”, do “SporTV” na noite da última quarta-feira, quando o apresentador Rodrigo Rodrigues estava preparando uma pergunta para questionar o mandatário sobre o uso de máscaras. O dirigente vascaíno e o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, almoçaram com o presidente Jair Bolsonaro na última terça-feira em um encontro com cerca de 13 pessoas e todas estavam sem proteção.

Ana Thaís Matos também estava na bancada do programa, enquanto Carlos Eduardo Lino e Grafite participavam por vídeo, assim como Campello. Antes de poder concluir seu questionamento sobre protocolos de segurança, Rodrigo foi interrompido pelo presidente cruz-maltino.

- O Troca de Passes é praticamente o único programa do canal que está sendo feito em um estúdio, com todos os protocolos, como distanciamento, máscara, álcool gel. A gente só tira a máscara para entrar no ar, comentou o apresentador.

- Aliás eu não vi vocês de máscara - interrompeu o presidente do Vasco.

- Nós estamos no estúdio. No telejornalismo, as pessoas usam máscara nas ruas, no estúdio não - rebateu Rodrigues, quando Campello alertou:

- De qualquer forma eu conheço o estúdio e ele é fechado. Por que vocês não estão de máscara?

- Porque nós estamos no ar. Qual programa jornalístico você vê com as pessoas de máscara? Os repórteres usam na rua. O jornalismo é considerado atividade essencial - completou Rodrigo.

A discussão teve como tema principal a volta do futebol no Brasil, uma vez que Flamengo e Vasco, no Rio de Janeiro, são favoráveis ao retorno do esporte, enquanto Botafogo e Fluminense são contrários a discussão neste momento em que a doença está em seu pico no país. Ao fim da discussão, o apresentador conseguiu realizar sua pergunta.

- Por que a reunião em Brasília não foi feita por videoconferência? Porque passar essa mensagem ruim se o próprio presidente tem feito reuniões por videoconferência? Vocês realmente precisavam ir lá presencialmente, almoçar e tirar foto sem máscaras?

- Eu não cuido da agenda do presidente. Nós estávamos de máscara, tiramos para o almoço e fizemos a foto - finalizou o presidente vascaíno.

O debate foi interrompido por Lino, questionando sobre os aspectos referentes à reunião. Durante os argumentos, Campello defendeu o retorno dos treinos por ser um ambiente aberto e, consequentemente, mais seguro do que trabalhar em um local fechado.

Rodrigo Rodrigues finalizou dizendo que a TV Globo segue todos os protocolos sanitários de segurança impostos pelas autoridades e fez um agradecimento aos funcionários que trabalham em supermercados, farmácias e hospitais que estão na linha de frente do combate ao coronavírus.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance