Coronavírus: Flu dá férias coletivas para o departamento de futebol e dirigentes diminuem 15% do salário
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Coronavírus: Flu dá férias coletivas para o departamento de futebol e dirigentes diminuem 15% do salário

CT - Pedro Antônio
CT Carlos Castilho vai seguir sem a presença dos jogadores (Foto: Marcello Neves)
LANCE! - 27/03/2020 - 22:17
Rio de Janeiro (RJ)
Sem previsão de retorno das atividades, o Fluminense decidiu dar férias coletivas a todo o departamento de futebol do clube. A medida vale para o futebol masculino e feminino e também para as categorias de base, envolvendo atletas, comissão técnica e profissionais dos centros de treinamentos.

As férias coletivas começam nesta quarta-feira e terá duração de 20 dias. Os 10 dias que vão restar serão tirados ao fim da atual temporada. A determinação acontece após as tratativas entre os clubes e a Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf), para um acordo coletivo, que não foi firmado.

Antes do anúncio das férias coletivas, o Fluminense havia comunicado a prorrogação da paralisação de todas as atividades por tempo indeterminado.


CONFIRA A NOTA OFICIAL

O Fluminense Football Clube informa que concederá Férias Coletivas a todo departamento do futebol profissional masculino e feminino, além da base, envolvendo atletas, comissão técnica e staff dos Centros de Treinamentos. O
período será de 20 (vinte) dias a contar de 01/04/2020 até 20/04/2020. Os 10 dias restantes das férias serão concedidos ao final da temporada de 2020, após o término das competições. A direção do Tricolor irá aguardar, ao longo desses 20 (vinte) dias, novas orientações das autoridades de saúde quanto ao possível retorno das atividades.

SOLIDARIEDADE

Com o futebol parado, o Fluminense tem as suas finanças comprometidas. Temendo pela demissão de funcionários, os diretores, gerentes e prestadores de serviços do clube, abriram mão de 15% dos salários até a situação voltar ao normal.

E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance