Coronavírus impede qualquer nova negociação, mas Flamengo mantém conversas pela renovação do Mister
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Coronavírus impede qualquer nova negociação, mas Flamengo mantém conversas pela renovação do Mister

Jorge Jesus e Landim - Flamengo
Flamengo quer renovar com o Mister até 2021 e tratativas seguem em curso (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Matheus Dantas - 21/03/2020 - 07:00
Rio de Janeiro (RJ)
Diante da seriedade da situação causada pela pandemia do coronavírus - e de suas consequências -, o Flamengo, por ora, mantém-se fora de qualquer nova negociação por reforços. Há um consenso na direção que não é o momento, e sequer há a possibilidade, de abrir tratativas por um jogador no cenário atual.

A paralisação do futebol, em si, já é problemática para o início e avanço das tratativas por reforços, mas não é dos maiores desafios. Em contato com a reportagem do LANCE!, membros da diretoria do Flamengo ressaltaram os fechamentos das fronteiras, variações cambiais e os cancelamentos de voos internacionais, entre outras questões, como empecilhos na atual conjuntura.

Em suma, além daquelas negociações que já existiam antes da pandemia da
COVID-19 ter impacto mundial, o Flamengo não tem outras tratativas em curso.



Com a suspensão dos jogos, a preocupação quanto à questão financeira do clube existe, mas a percepção é de que o clube não sofrerá tanto quanto os demais clubes do Brasil e da América do Sul. Afinal, o Flamengo, hoje, tem outras fontes de receita importantes além da bilheteria e direitos de televisão.


E MAIS:
SITUAÇÃO DE JORGE JESUS É DIFERENTE

Se não há novas negociações em curso, a tratativa pela renovação de Jorge Jesus segue - e como prioridade na Gávea. Na última semana, entre os resultados positivo fraco ou inconclusivo e o negativo dos testes do técnico para coronavírus, a prorrogação de seu vínculo ficou em segundo plano.

A tendência é que, agora, as partes voltem a discutir a questão financeira.

Diante da pandemia da COVID-19, a diretoria enxerga o caso do Mister de forma diferente, uma vez que ele já apresentou resultados (ótimos) e está integrado ao dia a dia do clube. Contudo, o coronavírus também terá um impacto nesta negociação com o técnico, especialmente nos valores do contrato, com a desvalorização da moeda brasileira frente ao euro e ao dólar.

A situação é vista como complicada, mas o otimismo pela permanência de Jorge Jesus segue, apostando-se na boa relação entre as partes e no desejo explicito do treinador em dar sequência ao trabalho no Rubro-Negro da Gávea.

A ideia é pela prorrogação do vínculo do português com o Flamengo até dezembro de 2021, no final do mandato do presidente Rodolfo Landim.

Facebook Lance Twitter Lance