Em uma semana, Cruzeiro pode ir do céu ao inferno
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Em uma semana, Cruzeiro pode ir do céu ao inferno

Cruzeiro x Santos
A maratona decisiva começa contra o Palmeiras pela Copa do Brasil. Fábio  foi o herói da vaga às semifinais  contra o Santos ao pegar três pÊnaltis - Alessandra Torres/Eleven
Valinor Conteúdo - 09/09/2018 - 19:47
Belo Horizonte
Todo clube sonha em chegar próximo do fim da temporada disputando as principais decisões do calendário do futebol. Apesar da maratona de jogos, a mobilização dos jogadores, comissão técnica e torcida se intensifica pela busca de títulos.

Esse é o caso do Cruzeiro, que em 2018 vive dias decisivos. Desde a final do Campeonato Mineiro, quando venceu o Atlético-MG na final, a equipe comandada por Mano Menezes se colocou como um dos grandes postulantes a conquistas no Brasil, alcançando trajetórias longas nos torneios que disputa. Até agora, a Raposa está na semifinal da Copa do Brasil, quartas de final da Libertadores e entre os sete primeiros do Brasileiro.

Porém, tudo que foi alcançado até agora pode se transformar em frustração, justamente pelo caráter eliminatório das competições que a Raposa joga. Derrotas na Copa do Brasil, para o Palmeiras, e na Libertadores, para o Boca Juniors, praticamente eliminam a chance de um grande troféu no ano, já que a distância para os líderes do Brasileiro é grande.

Por isso, a semana do dia 12 a 19 de setembro poderá ser o Céu ou o Inferno azul pelas decisões nas copas. E ainda há outra pedra que pode mexer no emocional celeste. No meio dessa caminhada, tem  um clássico contra o Atlético-MG. Se o jogo não representa muita coisa para a classificação na tabela da Raposa, a rivalidade acaba forçando que o time consiga um bom resultado em cima do maior rival.

O técnico Mano Menezes tenta equilibrar a pressão que o Cruzeiro possa sofrer em caso de revés nas competições que disputa, porém sabe da responsabilidade que o time criou para si mesmo com as boas campanhas.  

-Não há garantia de vitórias, porque nunca tem. Mas temos que ter condições de brigar. Já chegamos até aqui na Libertadores e até aqui na Copa do Brasil, será que é inteligente de nossa parte botar tudo isso fora? Não, né! Mas, tenho de fazer as coisas de forma objetiva para conseguirmos nosso objetivos no ano, disse.

O calendário celeste é o seguinte: duelo contra o Palmeiras pela Copa do Brasil nos dias 12 e 26 de setembro, Libertadores contra o Boca em 19 de setembro e 4 de outubro e o clássico contra o Atlético-MG no dia 16 de setembro.

Reapresentação da equipe

Após se dedicar ao Campeonato Brasileiro nos últimos dias, o Cruzeiro agora vira a chave e retoma suas atenções para a disputa da Copa do Brasil. Na quarta-feira, a equipe comandada por Mano Menezes fará o primeiro jogo da semifinal contra o Palmeiras, dando sequência ao caminho da luta pelo hexacampeonato do torneio.

A reapresentação dos atletas acontece nesta segunda-feira, na Toca da Raposa II. O treino está marcado para 14h30, com a imprensa tendo acesso ao centro de treinamentos estrelado às 13h45.

Palmeiras e Cruzeiro jogarão na quarta, às 21h45, no Allianz Parque.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance