Sidnei Lobo não culpa zaga pela derrota e pede foco nos jogos finais
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Sidnei Lobo não culpa zaga pela derrota e pede foco nos jogos finais

São Paulo x Cruzeiro
Diego Souza ganhou de Manoel no lance que originou o gol do São Paulo, decretando a derrota do Cruzeiro- Luis Moura/WPP
Valinor Conteúdo - 18/11/2018 - 21:32
Belo Horizonte
Uma das preocupações do Cruzeiro neste fim de temporada é manter seus jogadores concentrados na disputa do Campeonato Brasileiro. Sem qualquer chance de título ou queda para a Série B e ainda com a vaga garantida na Libertadores de 2019, o time celeste busca manter a motivação e o foco da equipe nas rodadas finais.

O técnico interino Sidnei Lobo reforçou esse discurso após o jogo, pois ainda faltam três jogos para o término da competição e os resultados do Cruzeiro podem influenciar diretamente o destino do Brasileiro.

- Temos de manter o espírito e o foco para terminar bem o ano. Faltam três jogos e é importante fechar a temporada de forma positiva. Estamos pedindo o empenho de todos que estão aptos a jogar para termos o melhor possível em campo.




Lobo citou essa cobrança por concentração pela forma que o time azul tomou o gol são-paulino, marcado por Diego Souza. Sem citar culpados, o técnico viu mais mérito do São Paulo em marcar o gol do que uma falha individual ou pela ausência de qualquer jogador, como o zagueiro Dedé, que está na Seleção Brasileira.

- Nos treinamos a jogada parada. O Arboleda levou vantagem e a bola sobrou para o Diego Souza, por mérito deles, mas vamos tentar corrigir para que isso não aconteça mais, disse, para em seguida defender os homens de defesa que estão na Toca da Raposa.

- Temos excelentes zagueiros no Cruzeiro. Claro que o Dedé faz falta, mas no gol não era função do zagueiro. Eles nos surpreenderam. Leo, Manoel. Cacá se empenham muito e não podem ser culpados pelo gol. Acho que foi mais mérito do São Paulo do que falha nossa, concluiu.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance