Valorizado e cobiçado, Cruzeiro não abre mão do goleiro Rafael
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Valorizado e cobiçado, Cruzeiro não abre mão do goleiro Rafael

Rafael Cruzeiro
Rafael recebeu homenagem do clube por completar 100 jogos pelo Cruzeiro contra o Internacional- (Foto: Vinnícius Silva / Cruzeiro)
Valinor Conteúdo - 17/11/2018 - 17:42
Belo Horizonte
Poucos clubes no futebol brasileiro podem contar com dois goleiros de alto nível como o Cruzeiro. A Raposa tem em seu elenco Fábio, o jogador com mais jogos pelo clube na história, e Rafael, revelado pela base celeste, que já provou o seu valor em campo, com grande jogos e a certeza que será o sucessor natural de Fábio na meta azul.

Mas, como a posição mais ingrata do futebol só permite um jogador em campo, as defesas de Rafael desperta o interesse de outras equipes brasileiras.
O rival da Raposa deste domingo, o São Paulo, cobiça o arqueiro cruzeirense para compor o seu elenco, já que desde a saída de Rogério Ceni, o time paulista não conseguiu achar um substituto à altura do ídolo são-paulino.

Com 106 jogos pela Raposa e 16 anos de clube, Rafael, aos 29 anos, se sente valorizado mesmo na condição de reserva, pois o clube celeste não pensa em liberar o goleiro para algum rival. O goleiro tem vínculo com o Cruzeiro até dezembro de 2021.



- Quando você se sente à vontade num clube, o trabalho acontece normalmente. É muito gratificante fazer parte da história do Cruzeiro, disse Rafael que tem vínculo com o Cruzeiro até dezembro de 2021.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance