Mano questiona arbitragem por mais três pontos perdidos

Comandante celeste não aprovou mais uma vez a arbitragem do jogo- Carlos Ezequiel/Eleven
Valinor Conteúdo - 08/09/2018 - 21:48
Belo Horizonte

Mano Menezes saiu do empate do Cruzeiro com o Sport por 0 a 0 lamentando a sorte celeste por erros de arbitragem. A reclamação principal de Mano foi o gol mal anulado do atacante Hernán Barcos, aos 29min do primeiro tempo.

No lance, o treinador celeste afirma que um defensor do Sport dava condição no momento da cabeceada de Bruno Silva no travessão e a bola cai nos pés do argentino que marca, mas o árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo invalidou a jogada.

- Acho que ele fez uma boa arbitragem, mas que fica manchada por um lance capital. Ponderei com ele que o que mais deixa a gente triste é o acumulado de muitos gols legais que fizemos no campeonato que foram anulados. Um gol desse muda a trajetória da partida. O time estava jogando bem, e aí você submeteria o adversário a uma pressão. Todo esse espaço que tivemos no fim já teríamos antes. Então, isso nos deixa preocupado. Mas a equipe fez um bom jogo, lutou pela vitória no fim, teve a penalidade que perdemos. Vamos esperar e torcer para que esses gols que não estão saindo sejam guardados para os momentos importantes que teremos nas próximas semanas, disse Mano.



E MAIS: