LANCE! Espresso: Cruzeiro já enxerga o retorno à Série A como uma miragem
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

LANCE! Espresso: Cruzeiro já enxerga o retorno à Série A como uma miragem

Disputa - Cuiabá x Cruzeiro
Bruno Haddad/Cruzeiro
Fabio Chiorino e Rodrigo Borges - 05/10/2020 - 09:23
São Paulo (SP)
A média da pontuação mínima de acesso à Série A na última década é de 63 pontos. Com 11 pontos (seriam 17 sem a punição da Fifa), o Cruzeiro precisaria de 69% de aproveitamento até o fim da atual edição da Série B do Campeonato Brasileiro para garantir ao menos um posição no G4. Hoje, este percentual é de 28%, penúltimo colocado na tabela. Se acontecer, será um pequeno milagre.

A derrota no sábado para o líder, o Cuiabá, no último lance do jogo, não foi obra do azar. A Raposa entrou em campo com o peso da camisa apenas, hoje insuficiente para fazer frente contra adversários modestos, mas muito mais organizados em campo. Não bastasse o rombo financeiro e a crise institucional que corroeu a política do clube, o time não tem jogadores capazes de fazer valer o histórico de favoritismo de qualquer clube grande que habita temporariamente a segunda divisão. Até mesmo o goleiro Fábio, que personifica a alma celeste, entra e sai de campo com o semblante desprovido de confiança.

O Cruzeiro tem pouco tempo para concluir se há, de fato, chance real de brigar pelo acesso. Não adianta esperar mais. Se daqui a cinco ou seis rodadas o time continuar na zona de rebaixamento, a missão precisa mudar. E aí o foco precisará ser a permanência na Série B, ainda que isso cause revolta e constrangimento à torcida.


A poucos meses de abrir seu centenário, o Cruzeiro é uma nau à deriva e sem sinal de evolução. Parece absurdo imaginar um clube deste tamanho mais um ano fora da primeira divisão, mas a cada rodada o acesso parece uma miragem.

O LANCE! Espresso é uma newsletter gratuita que chega de manhã ao seu e-mail, de segunda a sexta. A marca registrada do jornalismo do LANCE!, com análises de Fabio Chiorino e Rodrigo Borges. Clique aqui e inscreva-se.


Facebook Lance Twitter Lance