Em jogo equilibrado, Cruzeiro e América-MG ficam empatados no primeiro clássico do ano em Minas
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
Escudo - Cruzeiro
1
 
-
 
1
Escudo - América-MG

Em jogo equilibrado, Cruzeiro e América-MG ficam empatados no primeiro clássico do ano em Minas

Cruzeiro e América-MG fizeram um jogo equilibrado, muito disputado, com ambos tendo chances de sair vencedor de campo
Cruzeiro e América-MG fizeram um jogo equilibrado, muito disputado, com ambos tendo chances de sair vencedor de campo- (Mourão Panda/América-MG)
Valinor Conteúdo - 09/02/2020 - 16:57
Belo Horizonte
No primeiro clássico do ano em Minas Gerais, Cruzeiro e América-MG ficaram empatados por 1 a 1, pela quinta rodada do Campeonato Mineiro. Com o resultado, a Raposa chegou aos 10 pontos, enquanto o Coelho está com oito em quatro jogos. Ambos ainda tem um jogo para fazer, pelos adiamentos dos duelos contra Tombense e Villa Nova.

A partida foi muito equilibrada, mas os dois times tiveram mais agressividade no jogo a partir do segundo tempo, quando mudaram a postura em campo e o “respeito” pelo rival diminuiu.

O destaque pelo lado do Cruzeiro foi novamente o meia Maurício, que mostra faro de gol, enquanto no Coelho, Ademir se movimentou bem, substituindo à altura Matheusinho, que estava com problemas físicos.

Muito respeito de ambas as partes

O primeiro clássico do ano em Minas Gerais começou de forma ´tímida, com as duas equipes se respeitando muito, se estudando, evitando o arriscar e se expor ao adversário.

Poucos lances de emoção

Nem Coelho, nem Raposa deram trabalho para os goleiros, Airton e Fábio, na etapa inicial. Os chutes a gol foram de longe, mas sem grande perigo. A melhor chance do primeiro tempo foi um arremate de Felipe Augusto, do América, dentro da área que foi para fora.


E MAIS:
Começou, como terminou, morno

O segundo tempo iniciou no mesmo ritmo da etapa inicial, sem muita velocidade. As duas equipes não estavam muito agressivas no ataque, o que facilitou muito parte defensiva de ambos.

Mudanças nas equipes

Adilson Batista e Lisca fizeram mudanças táticas e de jogadores para tentar ganhar volume de jogo. Lisca provocou uma mudança mais técnica no time, apesar da perda de Leandro Silva, machucado, para a entrada de Diego Ferreira. Já na Raposa, Adilson tentou dar mais agressividade ao time com as entradas de Judivan, Marco Antônio e Welinton.

Jogada bem tramada e...Gol do Coelho

O atacante americano faz boa articulação pelo lado direito da defesa azul, Felipe Augusto recebe sozinho perto da área e cruza com perfeição para Ademir empurrar para o fundo das redes de Fábio.

América melhor no jogo

O Coelho começou a controlar a partida e estava esperando o ataque celeste para buscar o contra-ataque. Porém, o talento de um jovem da base celeste iria brilhar minutos depois.

Maurício brilha novamente… Raposa empata

Um dos destaques do time em 2020, festejado pelo torcedor azul, o meia Maurício estava tímido no primeiro tempo, mas no segundo tempo, com as mudanças de Adilson, Maurício ficou mais perto do gol. O resultado, aos 32 do segundo tempo, foi um belo gol de esquerda do garoto, empatando o jogo.

Agenda dos clubes

O Cruzeiro volta a campo no domingo, 16 de fevereiro, às 19h, contra o Patrocinense, fora de cada. O Coelho terá pela frente o Coimbra segunda-feira, 17, às 20h30, no Independência.

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 1 x 1 AMÉRICA-MG

Data-hora: 9 de fevereiro de 2020, às 16h(De Brasília)
Estádio: Mineirão, Belo Horizonte(MG)
Árbitro:Wanderson Alves de Souza
Assistentes: Pablo Almeida Costa e Leonardo Henrique Pereira
Cartões amarelos: Jadsom, Machado, Adriano, Edílson(CRU), Zé Ricardo(AME)
Cartões vermelhos:-
Público e renda: Público Total: 21902/Público Pagante: 19330/R$ 337.203,00

Gols: Ademir, aos 24’-2ºT(0-1), Maurício, aos 32’-2ºT(1-1)

CRUZEIRO: Fábio, Edílson, Léo, Cacá e João Lucas; Jadsom(Judivan, aos 25’-2ºT), Filipe Machado, Maurício, Everton Felipe, Jhonata Robert(Marco Antônio-intervalo) e Roberson(Welinton, aos 20’-2ºT) Técnico: Adilson Batista.


AMÉRICA-MG: Airton, Leandro Silva(Diego Ferreira-intervalo), Lucas Kal, Eduardo Bauermann e Sávio; Zé Ricardo, Juninho, Alê, Ademir(Rickson, aos 26’-2ºT), Felipe Augusto(Léo Passos, aos 42’-2ºT) e Rodolfo. Técnico: Lisca “Doido”


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance