Enderson Moreira após derrota: 'criamos, mas o resultado não veio'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Enderson Moreira após derrota: 'criamos, mas o resultado não veio'

Enderson vem sendo muito criticado pela forma como o Cruzeiro está jogando
Enderson vem sendo muito criticado pela forma como o Cruzeiro está jogando-(Bruno Haddad/Cruzeiro)
Valinor Conteúdo - 03/09/2020 - 00:11
Belo Horizonte
O técnico Enderson Moreira achou que o Cruzeiro teve uma boa performance apesar da derrota por 1 a 0 para o Brasil de Pelotas, fora de casa, nesta quarta-feira, 2 de setembro, em Pelotas-RS. O treinador superestimou o primeiro tempo da Raposa ao afirmar que foi a melhor apresentação da Raposa desde que assumiu.

Enderson tentou ter um olhar frio em relação a partida, sem colocar o resultado do jogo como fundamental para sua análise do terceiro revés do time celeste no Campeonato Brasileiro da Série B.

-Na hora que você perde um jogo, é normal se buscar razões para a derrota. Na minha visão, com frieza, tivemos o domínio do jogo na maior parte do jogo. No segundo tempo, o time caiu um pouco de produção, demos algum espaço. Às vezes o adversário cria uma chance e marca, nós criamos 10, 15 vezes e não marcamos. Mas, não podemos ignorar o que foi criado no primeiro tempo. Infelizmente o resultado não aconteceu-disse.

O comandante cruzeirense também argumentou novamente a conversa sobre reconstrução do time e afirmou que o grupo pode reagir, pois ainda está no início da competição, mesmo com sete rodadas disputadas.


E MAIS:
-Não é vergonhoso uma equipe marcar 10 pontos em 21 disputados, ainda mais com nosso débito de seis pontos pela punição que sofremos. Estamos tentando fazer no clube tudo que for possível dentro do que é possível neste momento, buscando na nossa base para recuperar a equipe. Sabemos que esse grupo pode dar uma resposta. O campeonato está apenas no início. O que importa é como vai terminar e não o início. O clube foi devastado e quem ficou está com coragem para fazer um projeto de reestruturação. Não estou me isentando da minha culpa, mas acho que foi uma atuação boa, pois buscamos o gol de forma incessante, mas o resultado foi uma decepção para todos nós-comentou o técnico, que viu evolução da Raposa nos dois últimos jogos do time.

-A derrota nos machuca muito, mas não dá para falar que não houve evolução. Teve sim, diante do Brasil e contra o América-MG também. Lamento que tendo perdido o jogo e feito uma partida muito superior em relação ao adversário. Estou com o coração apertado, pois foi feita muita coisa ruim no clube e sei que a diretoria está se esforçando, ja que não podemos ir ao mercado e escolher quem queremos. Estamos tentando evoluir. Apesar de tudo, acho que começamos a trilhar o caminho melhor na competição, mesmo com esse resultado ruim-concluiu.


O Cruzeiro volta a campo na segunda-feira, 7 de setembro, às 20h, contra o CRB, no Mineirão, pela oitava rodada do campeonato.


E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance