Árbitro pede desculpas por gol mal anulado do Cruzeiro

Bruno questionou, mas absolveu o juiz do jogo (Foto: Rafael Melo/Fotoarena)
Valinor Conteúdo - 08/09/2018 - 22:17
Belo Horizonte


Outro jogo do Cruzeiro teve como tema a arbitragem. A Raposa questiona outro gol considerado legal pelo time estrelado. E a polêmica da vez veio do árbitro do jogo que confessou ter errado contra a equipe celeste no empate por 0 a 0 diante do Sport. O volente Bruno Silva revelou o fato após o jogo\ sobre o pedido de desculpas do árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo.

Aos 29 min do 1º tempo Bruno Silva desviou uma bola de cabeça na direção do gol. A Bola bateu na trave e voltou para Barcos completar. O árbitro, anulou a jogada de forma errada seguindo o bandeirinha que marcou impedimento, evitando o gol celeste. Imagens do jogo mostram quem o Pirata estava em condições legais para marcar o gol cruzeirense.

Ao terminar a partida, o volante, Bruno Silva revelou o pedido de desculpas do árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo . Mesmo no prejuízo, Bruno isentou o juiz da partida do fato. .

- O árbitro pediu até desculpas e isso acontece. Todos estamos sujeitos a errar. Não adianta pôr a culpa em alguém, faltou competência nossa para botar a bola no gol. Foi a primeira vez que isso aconteceu comigo. Por mais que a gente sinta raiva precisamos entender o pedido de desculpas dele. É um ser humano e não podemos transferir a culpa para ninguém. Faltou um pouco de capricho nosso”, declarou Bruno Silva, ‘absolvendo o juiz.

Bruno Silva disse que o Cruzeiro poderia ter saído de campo com os três pontos, mesmo com o gol mal anulado.

-Fizemos um grande jogo, enfrentar o Sport aqui é sempre difícil. Estava muito calor, mas tivemos o controle do jogo na maior parte do tempo. Não estamos jogando mal, mas as vitórias, que são o mais importante, não estão vindo”, avaliou.



E MAIS: