Corinthians pretende quitar parcela de Cantillo, que embola briga no meio
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Corinthians pretende quitar parcela de Cantillo, que embola briga no meio

Cantillo - Treino Corinthians
Cantillo disputa vaga concorrida no meio-campo de Tiago Nunes no Timão (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Alexandre Guariglia - 29/07/2020 - 08:00
São Paulo (SP)
Uma das principais novidades do Corinthians para as quartas de final do Paulistão, contra o Red Bull Bragantino é a volta de Cantillo, recuperado da Covid-19 que o afastou das atividades nas última semanas. Seu retorno trará mais um ingrediente na briga pelo meio-campo, justamente na semana que o clube deve fazer o pagamento da segunda parcela de sua contratação.

O colombiano foi contratado no começo deste ano pelo Timão e a modelo de sua transferência se deu da seguinte forma: pagamento de 900 mil dólares pelo empréstimo até 31 de julho deste ano, prazo para quitar a segunda parcela de cerca de 600 mil dólares (R$ 3,1 milhões na cotação atual), que irá estender o empréstimo até o meio de 2021, quando o Alvinegro pagará aproximadamente 1,5 milhão de dólares (R$ 7,7 milhões) por 70% de seus direitos.

Segundo informação publicada pelo "Meu Timão" e pelo "GloboEsporte.com", e confirmada pelo LANCE!, o Corinthians pretende fazer o pagamento dessa segunda parcela até quinta-feira desta semana para garantir que não haja problema com a documentação do atleta, que fica sem contrato na sexta-feira. Os dirigentes corintianos querem evitar que o pagamento vire "novela".

E MAIS:
Com a situação fora de campo encaminhada, Cantillo voltou a treinar na última segunda-feira, após cerca de duas semanas afastado por conta da Covid-19 e se tornou mais uma opção de meio-campo para o técnico Tiago Nunes, que já tinha visto seu leque aumentar no último domingo, com a boa atuação de Éderson na vitória por 2 a 0 sobre o Oeste, pelo Campeonato Paulista, em partida que ajudou a garantir a classificação do time para as quartas de final.

Além disso, os titulares Gabriel e Camacho, que fizeram a dupla de volantes nesses dois jogos da retomada (Palmeiras e Oeste) têm a confiança do treinador e embora exista a possibilidade de serem substituídos, continuam fortes na briga, que neste momento parece bastante embolada, e é um dos mistérios da escalação para enfrentar o Red Bull Bragantino, nesta quinta.

Diante do Oeste, quem saiu para a entrada de Éderson foi Camacho, já Gabriel, que tem um estilo mais voltado para a marcação, permaneceu em campo, o que pode indicar uma tendência para as quartas de final da competição. Sendo assim, três jogadores disputam uma vaga nesse setor, com vantagem para Cantillo, que foi um dos grandes destaques da equipe antes da parada.

Caso o colombiano não esteja em condições de atuar desde o início por conta do tempo afastado e do curto período de treinos entre segunda e quinta-feira, Éderson deve correr por fora na disputa com Camacho. A melhora no futebol da equipe e o belo gol marcado para sacramentar o placar no último domingo, são credenciais que colocam o ex-Cruzeiro em condições de buscar espaço.

Antes de enfrentar o Red Bull Bragantino, nesta quinta-feira, às 19h, no Morumbi, pelas quartas de final do Paulistão, o Corinthians ainda treina na tarde desta quarta-feira para finalizar a preparação para o mata-mata do estadual que, nesta fase e na semifinal, será disputado em jogo único. Caso os times empatem no tempo normal, a decisão será nos pênaltis.  

Facebook Lance Twitter Lance