Bolsonaro veste camisa do Corinthians e posa com Marcelinho para apoiar a 'MP do Mandante'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Bolsonaro veste camisa do Corinthians e posa com Marcelinho para apoiar a 'MP do Mandante'

Bolsonaro e Marcelinho - Camisa Corinthians
Bolsonaro e Marcelinho se encontraram para manifestar apoio à MP do Mandante (Foto: Reprodução/Facebook)
LANCE! - 29/07/2020 - 15:48
São Paulo (SP)
Na tarde desta quarta-feira as redes sociais se agitaram após um encontro inusitado entre o Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, e Marcelinho Carioca. Os dois posaram para fotos e videos vestindo a camisa do Corinthians e se manifestando em apoio à "MP do Mandante", sobre os direitos de TV. Em nota oficial, o clube negou qualquer relação com essa reunião.

Palmeirense, Bolsonaro disse recentemente que não vestiria a camisa do Timão, mas mudou de ideia ao se juntar ao ídolo corintiano e falar da Medida Provisória que promete democratizar a negociação dos direitos de transmissão e evitar o monopólio. O Corinthians e outros clubes da Série A, de forma conjunta, já se manifestaram favoráveis para que a MP se torne lei no país.

- Nação corintiana, aqui o nosso presidente Jair Messias Bolsonaro com a camisa do Coringão. Isso é democracia, isso é defender a MP do futebol, isso é valorizar o futebol feminino, #respeitaasminas. Você vê? Isso que é lindo, ele é palmeirense, mas ele quer que todos os clubes tenham a liberdade de poder fazer os seus jogos, de poder trazer os craques de futebol de volta para o nosso país e abrilhantar o futebol. Presidente, que honra o senhor poder me receber aqui - disse Marcelinho em vídeo publicado pelo "Meu Timão".

E MAIS:
Já em vídeo divulgado na página oficial do presidente no Facebook, ambos se manifestam novamente pela aprovação da MP e ainda trocam passes de cabeça com uma bola. A camisa do Corinthians utilizada pela dupla é do modelo mais novo, lançado recentemente em homenagem a 1990. 

- Clubes tendo a liberdade para poder escolher seus jogos, seus atletas e ter a sua receita própria, a falsa narrativa era de que a MP do mandante era só do Flamengo, que ajudaria os grandes clubes e prejudicaria os outros. De maneira nenhuma. Há liberdade. A Constituição de 1988 diz "liberdade de expressão e manifestação de pensamento". É a liberdade do nosso futebol. E viva o nosso presidente, porque teve coragem de fazer isso - declarou Marcelinho.

Curiosamente o modelo que aparece nas imagens contém o logo do BMG estampado em preto e branco, um desejo do torcedor alvinegro, que será realizado se a torcida abrir 50 mil contas no banco. O Pé de Anjo é embaixador da parceira "Meu Corinthians BMG". Nas redes sociais, porém, o encontro não foi bem recebido e a hashtag "VergonhaBMG" entrou para os Trending Topics.

Jair Bolsonaro, por sua vez, endossou as palavras do ex-jogador e explicou por que acredita que a MP é importante para o país e para o futebol brasileiro.

- É motivo de satisfação e honra receber aqui o Marcelinho falando tão bem dessa MP, que realmente é um trabalho de muitas mãos, mas partiu do Flamengo, tanto é que eu botei a camisa do Flamengo, e depois o Corinthians aderiu, outros times também, isso nos dá liberdade, volta da alegria do futebol e craques, como no passado recente o Marcelinho, uns vão ficar no Brasil, outros vão voltar, todos nós ganhamos com isso. Então, Marcelinho, muito obrigado, parabéns a você que está apoiando junto com a sua turma do Corinthians, que está apoiando essa Medida Provisória, que será muito boa para o Brasil e os times vão deixar de ficar refém do monopólio.

Em nota oficial divulgada nesta tarde de quarta-feira, o Corinthians alegou que nada teve a ver com o encontro de Marcelinho com Bolsonaro e não enviou a camisa ao presidente. O texto ainda reforça a posição democrática do clube de respeitar todas as correntes políticas e ideológicas. Confira na íntegra:

"O Sport Club Corinthians Paulista torna público que não teve qualquer participação na iniciativa do ex-jogador Marcelinho Carioca, em Brasília. A entrega da camiseta nesta quarta, na Presidência da República, foi uma ação única e exclusiva do ex-atleta.

Cabe ressaltar que a nova camisa do clube, com o logotipo do patrocinador BMG em preto e branco, já havia sido amplamente divulgada em evento na Arena Corinthians em 11/7.

Por fim, o Corinthians se mantém fiel às suas tradições, respeitando todas as correntes políticas e coerente com suas origens de clube de todos os brasileiros"



Facebook Lance Twitter Lance