Em noite de pressão do Caxias, atuação de Benevenuto garante a classificação do Botafogo
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Em noite de pressão do Caxias, atuação de Benevenuto garante a classificação do Botafogo

Caxias x Botafogo - Benevenuto
Cena recorrente: Benevenuto afastando bolas aéreas (Foto: Vítor Silva/Botafogo)
Sergio Santana - 05/02/2020 - 23:03
Rio de Janeiro (RJ)
A classificação do Botafogo na Copa do Brasil teve poucos protagonistas. Um fator que era de se esperar diante de uma equipe que foi pressionada na maior parte do tempo na partida contra o Caxias-RS, no Estádio Centenário, nesta quarta-feira. O empate de 1 a 1, pelo regulamento da competição, contudo, foi suficiente para o objetivo final do Glorioso: a passagem rumo à segunda fase. 

O empate do Botafogo tem um nome principal: Marcelo Benevenuto. Apesar de Pedro Raul ter feito o gol do Alvinegro na partida e, obviamente, ter sido importante para a classificação, a atuação do zagueiro foi um dos poucos pontos positivos em uma noite com mais fatores para serem esquecidos do que exaltados.

Se o camisa 9 do Botafogo incomodou a defesa do Caxias-RS e marcou na única chance real que apareceu para ele, Benevenuto evitou que os atacantes da equipe gaúcha traçassem o mesmo caminho. Os mandantes, porém, criaram mais - foram 25 finalizações e 64% de posse de bola. A presença do zagueiro foi fundamental para evitar que os atletas ofensivos do time gaúcho tivessem uma noite feliz.



E MAIS:
Tais desempenhos, vale ressaltar, são recorrentes desde a reta final da temporada passada para Marcelo Benevenuto. Com o retorno de Gabriel para o Atlético-MG, porém, o jogador criado em General Severino se consolidou no time titular e vai se transformando em um dos líderes da equipe comandada por Alberto Valentim.

Seja por bolas aéreas ou por tentativas no chão, Benevenuto saiu do Centenário sem perder uma disputa individual. A velocidade e natural facilidade de deslocamento no gramado ajudaram na cobertura nas costas dos laterais do Botafogo, quando tais jogadores avançavam à segunda metade do campo para ajudar na construção ofensiva. 

Pedro Raul merece ser lembrado pela classificação, mas a vaga passou muito pela atuação de Marcelo Benevenuto. Até aqui, o jovem zagueiro vem mostrando - com sobras - que possui capacidade de substituir Gabriel.

Facebook Lance Twitter Lance