Alan Santos exalta chance no Botafogo: 'Quando recebi o convite senti um arrepio na espinha'
menu button lance
lancelogo lancelogo lance

Alan Santos exalta chance no Botafogo: 'Quando recebi o convite senti um arrepio na espinha'

  •  Alan Santos - Botafogo
    Alan Santos foi apresentado nesta segunda-feira pelo Botafogo. Confira a seguir a galeria especial do LANCE! (David Nascimento/LANCE!Press)
  •  Reforço no Botafogo Alan Santos
    Reforço no Botafogo Alan Santos (Foto: Divulgação)
  •  Alan Santos - VAIVÉM (fechado)
    Alan Santos - VAIVÉM (fechado) Divulgação
  •  Alan Santos
    Alan Santos Divulgação/Coritiba
  •  Alan Santos
    Alan Santos Divulgação/Coritiba
  •  Alan Santos
    Alan Santos Divulgação/Coritiba
  •  Alan Santos
    Alan Santos Divulgação Coritiba
  •  Alan Santos
    Alan Santos (Foto: Reprodução / Instagram)
  •  Alan Santos - VAIVÉM
    Alan Santos - VAIVÉM Divulgação/Coritiba
  •  Alan Santos, ex-Santos
    Alan Santos, ex-Santos Ivan Storti
David Nascimento - 07/01/2019 - 13:15
Rio de Janeiro (RJ)
A manhã desta segunda-feira foi de cara nova no Botafogo. Contratado para reforçar a equipe nesta temporada, o volante Alan Santos foi apresentado pelo diretor executivo de futebol Anderson Barros, logo após mais um período de treino da pré-temporada de 2019 no Nilton Santos. Em uma das suas primeiras palavras, Alan Santos exaltou o Alvinegro, afirmando ter sentido um arrepio na espinha ao ter recebido o convite.

- Quando recebi o convite do Botafogo senti um arrepio na espinha. Um clube de muita grandeza. Não pensei duas vezes e aceitei. É um privilégio muito grande poder vestir essa camisa que gigantes como Garrincha, Nilton Santos, Jairzinho, Jefferson, entre outros vestiram. Recebi a notícia de vir para o Botafogo do próprio Anderson, inclusive, e tive a sensação de arrepio - afirmou Alan Santos, que foi revelado pelas categorias de base do Santos.



E MAIS:
Alan Santos, aos 27 anos, já passou por clubes como o Coritiba, Tigres e Vera Cruz, do México, e Al-Ittihad, dos Emirados Árabes. O contrato do volante com o Botafogo é válido por uma temporada. Sem jogar desde 9 de março de 2018, o jogador trabalha para corresponder as expectativas do Alvinegro comandado pelo técnico Zé Ricardo.

- Não guardo as coisas que passaram. Foi muito difícil ficar esse tempo sem jogar, mas serviu para me dar mais vontade. Já falei até com meu pai. Posso errar passes, gols, mas não vai faltar vontade, podem me cobrar. Fui muito bem recebido, percebi um clima bom no vestiário. Conversa com o Zé Ricardo foi muito boa. Minha primeira impressão é um privilégio de vestir essa camisa de tanta tradição - finalizou o novo jogador do Botafogo.

Facebook Lance Twitter Lance