Nacho desequilibra, Galo vence o América-MG no clássico e fica isolado na liderança do Campeonato Mineiro
menu button lance
lancelogo lancelogo lance
escudo mobile otimizado atletico mg
3
 
-
 
1
Escudo - América-MG

Nacho desequilibra, Galo vence o América-MG no clássico e fica isolado na liderança do Campeonato Mineiro

Nacho Fernández foi o fator que fez a diferença na vitória do Galo sobre o Coelho no Mineirão
Nacho Fernández foi o fator que fez a diferença na vitória do Galo sobre o Coelho no Mineirão-(Divulgação/Mineirão)
Valinor Conteúdo - 04/04/2021 - 17:56
Belo Horizonte
Em um bom clássico e mais uma jornada inspirada de Nacho Fernández, o Atlético-MG derrotou o América-MG por 3 a 1, gols de Nacho, duas vezes, Guilherme Arana, com João Paulo descontando para o Coelho no duelo deste domingo de Páscoa, 4 de abril, no Mineirão, pela sétima rodada do Estadual.

No primeiro clássico do ano, o Galo passou com louvor e reassumiu a liderança isolada, agora com 18 pontos, três a mais do que o segundo colocado, o próprio América, que tem 15 pontos na classificação.

O clássico teve boas alternativas e mostrou a força do elenco atleticano, mesmo ainda não tendo um time totalmente entrosado. Para a equipe de Lisca, foi a demonstração de que ainda há de se melhorar algumas coisas para ter boa campanha no Mineiro e principalmente no Brasileirão da Série A.

Nacho neles!

O argentino participou de todos os gols do Galo desde a sua estreia contra o Coimbra. E, diante do América, deixou o seu e teve mais algumas chances de marcar. Se mostra um jogador muito efetivo no meio de campo.

América-MG sem força ofensiva e confuso em campo

O primeiro tempo do Coelho não foi bom. Ademir fora de sintonia, tendo apenas Rodolfo brigando sozinho com a defesa atleticana.

Nacho onipresente

Mostrando que deve ser o maestro do time, Nacho Fernández se apresenta em todas as partes do meio de campo e ainda chega na área rival, buscando o gol.


E MAIS:
Golaço do Coelho

Quando o Atlético ameaçava ampliar o placar, o lateral-esquerdo João Paulo avançou, se preparou e soltou um chutaço no ângulo de Everson. Empate no Mineirão, quando a tendência era o Galo marcar mais gols.

Jogo de xadrez entre os treinadores

Cuca apostou em Hulk, Nathan e Vargas nos lugares de Savarino, Zaracho e Sasha, enquanto Lisca colocou Gustavinho e Ribamar nas vagas de Marcelo Toscano e Rodolfo para tentar vencer o alvinegro.

O dono do jogo: Nacho Fernández marca de novo

O argentino sempre busca algum espaço em campo para se posicionar na área do rival de forma bem sorrateira. Assim, sempre fica livre. Ele pegou o rebote de Cavichioli e mandou para o fundo gol do americano. O argentino se adaptou muito rapidamente ao Brasil e tem repertório para cumprir várias funções em campo.

Teste muito válido para Galo e Coelho

Esse foi sem dúvida o jogo que mais exigiu tanto de Atlético-MG, quanto do América-MG, mesmo com ambos sendo derrotados pela Caldense. O confronto mostrou que há ajustes a serem feitos de ambos os lados, mas o Galo teve a força e qualidade do seu elenco para decidir a partida.

Já o Coelho está no caminho para uma campanha boa na Série A do Brasileirão, mas ainda falta um algo a mais, um tipo de jogador que pode fazer diferença em momentos de dificuldades nos chamados “jogos grandes”.

Arana “encerra a conta” do jogo. Galo 3 a 1

O lateral, que tem vocação ofensiva, fez um belo gol e confirmou os três pontos do alvinegro no seu primeiro clássico do ano.

Próximos jogos

O Atlético-MG encara o Pouso Alegre na quarta-feira,7 de abril, às 16h, no Mineirão. Já o Coelho recebe o Patrocinense na quinta-feira, 8, às 16h, no Independência.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

ATLÉTICO-MG 3 X 1 AMÉRICA-MG
Data: 4 de abril de 2021
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas
Assistentes: Felipe Alan da Costa Oliveira e Marcyano da Silva Vicente
Cartões amarelos: Zé Ricardo(AME), Zaracho(ATL), Allan(ATL)
Cartões vermelhos:
Gols: Nacho Fernández, aos 17’-1ºT(1-0), João Paulo, aos 10’-2ºT(1-1), Nacho Fernández, aos 25’-2ºT(2-1), Guilherme Arana, aos 43’-2ºT(3-1)

ATLÉTICO-MG (Técnico: Cuca)

Everson, Guga, Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Zaracho (Nathan, aos 18’-2ºT) e Nacho Fernández (Dodô, aos 38’-2ºT); Sasha (Vargas, aos 18’-2ºT), Keno(Marrony, aos 32’-2ºT) e Savarino (Hulk, aos 18’-2ºT) .

AMÉRICA-MG (Técnico: Lisca)

Matheus Cavichioli; Diego Ferreira (Léo Passos, aos 31’-2ºT), Eduardo Bauermann, Anderson Jesus e João Paulo; Zé Ricardo (Sabino-intervalo), Juninho, Alê e Marcelo Toscano (Gustavinho, aos 20’-2ºT) ; Ademir (Leandro Carvalho, aos 36’-2ºT) e Rodolfo (Ribamar, aos 20’-2ºT)



E MAIS:
Facebook Lance Twitter Lance